Discutir Histórico Ver Ultima Mudança Editar Pesquisar
Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo  

Regras de Renome para Tagmar


Por Imiril Pegrande

Fama e fortuna acompanham os bravos heróis! Em tagmar ser aventureiro é uma profissão de risco, mas pode trazer enormes vantagens.
Aventureiros são sempre muito requisitados. Seja nos Reinos, nas Terras Selvagens ou no Império. Combater monstros e demônios, resgatar um nobre sequestrado, representar reinos em conflitos diplomáticos, espionar tropas inimigas, comandar exércitos, guarda costas de alto dignitários, explorar ruínas amaldiçoadas, quebrar maldições demoníacas, proteger caravanas de mercadores ricos e muitas outras atribuições são confiadas aos Aventureiros. Qualquer tarefa que envolva um perigo mortal provavelmente será, em primeira análise, oferecida a um desses incautos heróis.

E por que eles aceitam essas missões? Porque, ora, os prêmios são na medida dos riscos. Tesouros e conhecimentos além de qualquer medida! Mas, um prêmio em especial, chama a atenção de todos os que se aventuram pelas perigosas sendas de Tagmar: renome.
A fama precede os Aventureiros bem sucedidos. Os bardos cantam seus feitos. Bandos de orcos já fugiram ao ouvir que determinado herói liderava a resistência, bárbaros já desistiram de atacar um vilarejo pois era a terra natal de certo herói, exércitos já depuseram suas armas ao saber que o capitão inimigo era um famoso cavaleiro, reis enviaram emissários aos confins do mundo à procura de um arqueiro de grande renome, dezenas de aprendizes cruzam o mundo à procura dos conselhos de um grande mago ou rastreador…

Renome é uma ferramenta simples de narrativa. Conforme os personagens avançam de Estágio seus feitos vão tornando-se cada vez mais conhecidos e seus nomes vão sendo levados de boca a boca, cidade em cidade, reino a reino e por aí vai. Quando chegarem a uma cidade ou vilarejo o mestre pode testar o renome dos personagens para saber se eles já são conhecidos no local. Se preferir, o mestre pode rolar o teste a cada mudança de cena. Ao chegarem numa taverna ou visitarem um palácio, por exemplo. O mestre pode usá-la para ter um indicativo geral sobre a reputação do grupo de jogadores. E, à critério dele, também pode ser utilizado para aplicar redutores (ou bônus) à Moral de um grupo de inimigos.

Regras


O Renome de um personagem é igual ao seu Estágio. O mestre joga secretamente na coluna indicada pelo Estágio do personagem para saber se ele, ou o grupo, é conhecido no lugar. Abaixo temos algumas sugestões que podem ser adotadas de acordo com o resultado do teste..

Falha (Verde): O personagem ou seus feitos chegaram distorcidos ou errados aos ouvidos dos locais. Heróis podem ser os vilões ou um grande ato de coragem vira um ato de pura covardia…
Rotineiro (Branco): As pessoas ouviram falar alguma coisa sobre o personagem ou seus feitos, mas nada muito relevante, um boato somente.
Fácil (Amarelo): As pessoas ouviram falar claramente de pelo menos um dos feitos do personagem.
Média (Laranja): Algumas das façanhas do Personagem já foram cantadas por aqui. algumas pessoas o conhecem pelo nome.
Difícil (Vermelho): O nome do personagem e seus feitos são normalmente contados ou cantados nas tavernas e locais comuns deste lugar.
Muito Difícil (Azul): Ninguém vem a esse lugar e sai sem antes ouvir sobre algum feito do personagem. Ele é famoso e suas histórias são um tema recorrente em qualquer roda de amigos.
Absurdo (Cinza): As crianças falam o nome do personagem antes mesmo de falarem papai ou mamãe.

As indicações acima são mera sugestão e devem ser adotadas de acordo com as circunstâncias e o bom senso. Além disso, vários fatores sobre o lugar e o tempo podem influenciar a coluna de resolução do renome para mais ou menos. Seguem alguns parâmetros de comparação.

TEMPO (use apenas o mais relevante)
  • -10 O último grande feito do personagem foi há 10 anos ou mais.
  • -5 O último grande feito do personagem foi há 5 anos ou mais.
  • -1 O último grande feito do personagem foi há 1 anos ou mais.

LOCALIDADE (use apenas o mais relevante)
  • +10 O personagem realizou algum grande feito na cidade em que está.
  • +5 O personagem realizou algum grande feito na região em que está.
  • +1 O personagem realizou algum grande feito no reino em que está.
  • +10 Personagem está em sua terra natal.
  • + 5 O personagem realizou algum grande feito em uma cidade próxima
  • +1 O personagem realizou algum grande feito em um reino próximo
  • +0 O personagem realizou algum grande feito em outro lugar no mesmo continente

PROFISSÃO (use apenas o mais relevante)
  • +5 Personagem está entre outros membros de sua Profissão
  • +10 Personagem está entre outros membros de sua Especialização
  • - 5 Personagem está entre membros de outra Profissão
  • +5 Há um bardo no seu grupo

ALCANCE (use apenas o mais relevante)
  • +1 O personagem realizou um ato heróico de importância local
  • +5 O personagem realizou um ato heróico de importância regional
  • +10 O personagem realizou um ato heróico de importância continental
  • +20 O personagem realizou um ato heróico de importância mundial

Dessa forma, um personagem de Estágio 8 que, após uma longa viagem de 5 anos, retorna à cidade onde ele derrotou um necromante que ameaçava todo o reino teria seu teste feito na coluna 18 [8 (estágio) - 5 (tempo) + 10 (localidade) + 0 (profissão ñ é importante aqui) + 5 (alcance)]

Se realizar esse cálculo for demorado ou complicado demais para você, simplesmente esqueça a tabela e aplique ajustes de -20 a +20 de acordo com seu bom senso e as circunstâncias envolvidas.

Renome é vantagem?


Nem sempre. Se estiver em Porto Coral e for famoso por ser um “implacável sacerdote da justiça” ser reconhecido pode não ser interessante. Ao ser capturado pelos orcos, ter a fama de “o empalador de orcos” será, certamente, uma terrível desventura… Personagens podem ocultar sua reputação com testes da habilidade disfarce (dificuldade proporcional ao quanto ele é famoso no lugar) ou, a critério do mestre, usando de outros artifícios inventivos.

Por outro lado o mestre pode usar o renome do personagem como gancho para aventuras ou os jogadores podem rolar teste de renome para angariar pequenos favores dos moradores do local. Porém, antes de sair por aí pedindo favores e torto e direito, lembre-se em cada cidade há um punhado de pessoas que iam fazer fila para pedir uma ajuda ao herói local. Além de um outro punhado querendo testar suas habilidades contra o personagem.

Tenha em mente, também, que o Renome geralmente está ligado a um grande feito e que por isso, normalmente trará um apelido ou título junto. Matar um ogro poderia valer o título de “O Matador de Ogros”.

Renome indesejado


Às vezes o personagem será famoso pelos motivos errados! O Traidor, O Covarde, O Mulherengo… são todos renomes que talvez não sejam muito desejados. Mas as regras aplicam-se normalmente para esses casos também.
Outra hipótese que o mestre pode suscitar é que em Tagmar a propaganda é feita de boca a boca e muitas vezes sai distorcida. Conhecem a história do “Mickey, O Matador de Gigantes”? Recomendamos aos mestres que explorem o Renome dos seus jogadores. Conceda-lhes favores e benefícios, mas não esqueça de cobrar as grandes responsabilidades que vem com a fama!

Renome e a Moral das Criaturas


Uma regra opcional que pode ser aplicada é fazer um teste resistido entre a Moral da criatura e o Renome do personagem. Caso a criatura falhe no teste ela fugirá do combate. Esse teste só terá sentido se a criatura for inteligente e tiver alguma chance de ter ouvido falar da fama dos personagens. Aplique ao Renome do personagem os bônus e redutores apresentados nestas regras antes de calcular o valor do teste de resistência.
Alternativamente ao proposto acima, o mestre pode, ao invés do teste resistido, aplicar o Renome do personagem como um redutor na Moral da criatura para efeito de testes de moral.

Verbetes que fazem referência

Regras Extraoficiais

Verbetes relacionados

Atributo Vontade | Combate em grande escala | Capacidade de Carga | Dano a Objetos | Falhas Opcionais | Penalidades e Modificadores | Tabela de força | Revisão da regra de Queda | Ritual de Conformidade do Karma | Sistema de Moral para grupo de jogadores | Defesa e Absorção de Armaduras | Concentração, mais modificações em Esquiva e Aparar | Pontos de Trama, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | EH como ferramenta para aventuras | Esforço físico | RM e RF sem a tabela de confronto de forças | Usando seu heroísmo para melhorar sua RF ou sua RM | Revisão da Lista de Magias Básica de Bardos | Nova Fórmula para EF de Mortos-vivos | Ataques oportunos e surpresa feito por ladinos | Regras de Combate sem a Tabela de Resolução | Regras de Combate sem a Tabela de Resolução 2 | Ferimento em Batalha | Aprendizado de manobras fora de sua especialização | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Ataques a múltiplos alvos | Opção para a iniciativa | Manobra de Carga | Manobra tiro em movimento | Arremesso de Armas | Ataque Localizado | Combate não Letal | Conduzir Oponente | Desviar Ataques | Defesa mental | Especializar em Arma | Estratégia | Formação de Combate | Golpe Sujo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Técnicas de Combate | Combate no Império | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Elfo Sombrio | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Licantropo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Profissão Não-Jogadora | Colapso Mental | Burons | Mecanicistas | Vitalicistas | Bárbaro das Terras Selvagens | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Colégio de Luz e Trevas | Colégio dos Evocadores | Trilha dos Predadores | Habilidades Avançadas | Habilidades Heróicas | Habilidade Farejar | Habilidade Memorização Fotografica | Memória Dinâmica | Regeneração de karma | Aprendizado de magias fora da especialização escolhida | Magias da LB com custo menor na ESP | Evocação em Grupo | Magias Extraoficiais para Magos | Revisão | Magias dos Magos de Nível 1 a 10 | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Magias Extraoficiais para Rastreadores | Magias dos Rastreadores de Nível 1 a 10 | Magia Dos Bardos | Magias Extraoficiais para bardos | Vantagens e Desvantagens | Conceitos ou Arquétipos de Personagens | Caracterizações para Criaturas | Lista de Equipamentos Adicionais | Equipamentos de Defesa | Armas de Fogo | Itens de Herbalista | Bebidas e Fumos | Itens Sagrados e Itens Profanos | Itens Alquimicos | Mercado Negro | Armadilhas | Ferramentas de trabalho como armas | Novos Objetos Mágicos | Matérias Primas Especiais | Estatística da definição dos atributos por sorteio | Estudo da tabela de resoluções original | Avaliação e proposta de alteração da tabela de resolução | Guia de Criação de Personagens para Iniciantes sem o Manual de Regras | Guia de criação de raças | Guia de criação de Profissões | Guia de criação de Magias | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Guia de criação de Especializações | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Renome, regras para tornar seu jogo mais narrativo | Controle de Lealdade | Tabela de Resolução | Raças-Regras especiais | Meio Orco | Multiclasse | Mudança de deus, sacerdotes | Nova especialização, Academia dos arcanos de aço | Magia Dos Rastreadores | História do personagem | Guia de criação de Tecnicas de Combate