Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

11 Páginas <1234>»
Arco V - Desaparecida Opções
#31 Lafbre Lander Enviado : 27/02/18 08:07
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
De forma rápida e acertiva digo:
- Trata-se de um possível sequestro. Por isso quero saber se alguém foi introduzido em carruagens indevidas. - Completo - Um sequestrador a solta poderia por em risco a segurança de toda a nobreza.

Caso ele pergunte quem foi sequestrado:
- Neste momento não é pertinente revelar o nome, espero que entenda.
#32 saulocr Enviado : 28/02/18 08:11
LAFBRE LANDER

Citação:
O capitão lhe pergunta de quem se tratava e após sua negativa o próprio marquês lhe responde: "Ora. E como ele poderia saber quem entrou e saiu das carruagens se ele estava a todo o momento no banquete como meu convidado!? Quem deve ter essas respostas são os guardas que estavam de vigília não o meu capitão, que a propósito não tem nenhuma jurisdição aqui em Chats."


MARCUS MOLDI

Citação:
Já estava anoitecendo quando chegou ao palácio. Os guardas não se opuseram a sua entrada, haviam poucos convidados do rei no salão, ao perguntar por Alanzo foi lhe dito que o mesmo não estava nos seus aposentos. Entretanto para sua sorte você cruzou o Diplomata de Acordo Thoros Aldebrenas. Ele estava em um dos salões conversando com um dos diplomatas das cidades estados, um bem jovem. Pelo teor da conversa ele o anão parecia dar conselhos amorosos para o rapaz.

saulocr anexadas as seguintes imagens:
Planta Baixa Palácio.jpg
#33 Marcus Moldi Enviado : 28/02/18 10:33
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30
Fico na parte de fora do salão onde se em contra o Diplomata Thoros Aldebrenas e o aguardo para conversarmos sobre a sua ausência a reunião marcada na residência dos Moldi. Caso o Diplomata de Conti esteja no recinto, peço para que me aguarde, pois gostaria de conversar sobre alguns assuntos relacionados a parte administrativa de uma Universidade.
#34 Lafbre Lander Enviado : 28/02/18 19:33
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Escuto com atenção e digo:
- Não possui jurisdição, no entanto, nem por isto deixa de ser cavaleiro ou deter as habilidades de um.

Deixarei o silêncio se tornar constrangedor.

#35 saulocr Enviado : 01/03/18 07:42
LAFBRE LANDER

Citação:
O capitão parecia constrangido a mais tempo, certamente nunca foi cobrado desta forma. Entretanto seu mentor toma suas dores e lhe responde rapidamente: "Certamente que não! Mas o trabalho dele é me proteger. Ele estava fazendo seu trabalho. Agora me diga Sir..? Alguém da corte sumiu e você está fazendo este interrogatório a todos os cavaleiros que estava na festa? Ou tem alguma suspeita que meu capitão esteja envolvido? Por que isso eu posso garantir que não estava! Ele esteve comigo durante todo o período no qual estive na capital."


MARCUS MOLDI

Citação:
Os dois diplomatas estavam no meio do salão, não fora dele. Você aguarda pouco tempo, até que os dois percebem você esperando eles terminam a conversa. O jovem negro vai na sua direção lhe cumprimenta e segue em frente, você se aproxima de Thoros, ele encara-o de baixo, certamente procurava se lembrar de seu semblante: "Você é..?"
#36 Marcus Moldi Enviado : 01/03/18 08:01
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30
Estendo a mão direita para cumprimentar o anão e digo: "Boa noite Lorde Thoros Aldebrenas...Me chamo Marcos Moldi da cidade de Pechara...Havíamos marcado uma reunião com meu Lorde, o Barão Carlos Moldi sobre a exploração das Ruínas em nossas terras em nossa residência..."(Pensamento: Eu pensava que os anões eram mais fortes em relação a bebidas) Fico quieto esperando as desculpas do Lorde Anão.
#37 Lafbre Lander Enviado : 02/03/18 10:46
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Respiro fundo e respondo ao nobre:
- Com todo o respeito meu senhor, até agora não fiz nenhuma acusação. Se por algum acaso suspeitasse de seu capitão, certamente outras providências seriam tomadas. - Com uma breve pausa, concluo sem nenhum sarcasmo: - É evidente que minha intenção não é causar mais problemas, neste momento espero a vossa compreensão, precisaremos de toda a colaboração possível. Agradeço a vossa presença. - Me dirijo ao capitão: - Que a sua espada siga afiada e seus sentidos tomem o mesmo caminho.



#38 saulocr Enviado : 02/03/18 13:35
FERNÃO COPPA

Citação:
Vocês chegam ao vilarejo e seguem para a casa grande. Já era tarde da noite e todos os criados já dormiam, exceto pelos dois guardas que vigiavam a casa grande. Na manhã do dia seguinte vocês acordam cedo e se reúnem no desejum...


LAFBRE LANDER

Citação:
O capitão se despede com um aceno discreto com a cabeça, já o Marquês não seu deu ao trabalho de fazê-lo, então a dupla deixa a sala. Após a saída Sir Malcom voltasse para você: "Terei que deixá-lo fazer seu trabalho sozinho! Terá permissão para investigar outros guardas ou criados do banquete, além de outros nobres da baixa nobreza, contudo seu acesso será restrito aos membros da Alta Nobreza. Tome cuidado meu pupilo."


MARCUS MOLDI

Citação:
O anão mira seu rosto e comenta: "Há... Sim.. Claro... Lembro vagamente disso... Bom. Preciso visitar o local e ter garantias do investimento antes de fazê-lo! Afinal não posso ter prejuízo. Então resolvo a burocracia com você mesmo?"
#39 Marcus Moldi Enviado : 02/03/18 14:59
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30
Olho para o anão e falo: "Bem, nós já havíamos conversado sobre uma parte das negociações...Estávamos acordados em 30% para o Lorde e nós forneceríamos a moradia e alimentação, enquanto 70% seria do meu Lorde...O restante iríamos discutir na reunião na residência de meu Lorde...Nós ficamos esperando o Lorde a manhã e a tarde toda para tratar desses assuntos"
Espero um posicionamento do Anão em relação a seu descompromisso com a reunião e fico olhando em seus olhos de forma séria.
#40 Lafbre Lander Enviado : 03/03/18 11:28
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Lançamento 1d20=1
Respondo o aceno e assisto a saída.

Ouço atentamente Sir Malcom e respondo:
- Obrigado pela confiança, tentarei ser mais eficiente a partir de agora.

Quando Malcom se dirigir para a saída acompanharei ele, meu objetivo é tomar um ar.

Fora do palácio tentarei por as ideias em ordem. Respirando lentamente aproveito para dar uma olhada nos arredores.

[1d20]
Usar Sentidos
#41 Fernão Coppa Enviado : 04/03/18 12:36
Jogador: samuel.azevedo
EF: 33
EH: 9
Karma: 0
Lançamento 1d20=2
- Bom dia, vocês sentem que poderão treinar hoje?

Se Stefan ainda reclamar da perna eu insisto em a examinar. [1d20]

//off: faltam quantos dias para as competições?
#42 saulocr Enviado : 05/03/18 07:26
MARCUS MOLDI

Citação:
O anão escuta suas palavras e lhe diz em tom de brincadeira: "Quando for negociar com um bêbado trate de fazê-lo assinar os documentos! Mas certamente podemos chegar a um denominador comum! Minha contraproposta é a seguinte: Seu tio banca minha viagem até Pechara, com comida, vinho e acomodações. Então eu verificarei o potencial das ruínas, se eu ver que pode ter algo de valioso, eu financio a expedição por um valor minimo por cabeça, além de 50% do que for encontrado de valioso."


FERNÃO COPPA

Citação:
Os jogos começarão no dia seguinte, entretanto somente no penúltimo dia haveria as justas. Stefan já estava andando sem limitações, mas preferiu ficar sem treinar.


LAFBRE LANDER

Citação:
Você segue para fora do palácio, haviam muitos casarões de membros da alta nobreza nesta área. A casa real por exemplo onde vivia a família Real ficava imediatamente ao lado do Palácio com acesso por uma porta lateral. Haviam ainda muitos guardas pelo pátio, mas nada que lhe chamasse a devida atenção.
saulocr anexadas as seguintes imagens:
Alta.jpg
#43 Marcus Moldi Enviado : 05/03/18 08:53
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30

Abro um sorriso de canto de boca e mantendo o tom de brincadeira proposto pelo anão, complemento:
"Bem, tem certos detalhes que apenas meu tio pode assegurar meu amigo, mas creio que em relação a sua viajem e estadia não seria problema algum...Só acho que precisa ser melhor explicado em relação aos valores referentes a "expedição por um valor mínimo por cabeça" como fora proposto pelo Lorde...Em relação ao percentual, creio que o denominador comum em que podemos chegar é de 60% para a minha Casa e 40% para o Lorde em relação aos prováveis itens valiosos. Posso remarcar a reunião para amanhã a tarde com meu Lorde em sua residência?"
#44 Fernão Coppa Enviado : 05/03/18 09:56
Jogador: samuel.azevedo
EF: 33
EH: 9
Karma: 0
- Tarso, depois do desjejum por favor separe dos itens que tomamos dos bandidos que capturamos três gládios de baixa qualidade e duas clavas, e 4 armaduras de couro leve, e entregue a Reginaldo.

- Reginaldo, você venderá estes itens no mercado. Depois comprará até 1 mo de materiais pomada cicatrizante: a receita leva cipó drondera ou outra erva medicinal e mel, e alguns potes para guardar a pomada, todos são materiais fáceis de encontrar. Dê preferência a casa de artesãos onde seus sobrinhos estão sendo treinados, e diga que eu o indiquei a ir lá. Diga-lhes que perguntei se eles tem interesse em vender perfumes, leve os três perfumes que restaram entre os que estão prontos e cheios e os venda. Diga que em uma semana posso fornecer mais cinco se eles desejarem. Também pergunte se eles pintariam um brasão numa armadura ou escudo fornecidos por nós, e quanto custaria. Agora reúna os aprendizes, vou orientá-los a fazer o restante dos perfumes.


Explico a ele as proporções, pretendo ensinar os aprendizes a fazer pomadas cicatrizantes para triplicar o dinheiro com o preço de venda comum (ou quem sabe lucrar ainda mais com as demandas durante as competições). Digo o nome da casa de artesãos a quem devo favor (precisamos definir o nome deles, pois acho que vou trabalhar para transformá-los em contatos comerciais no fim do próximo estágio).

- Stefan, descanse pela manhã; veja com o escudeiro para que ele limpe as armas e armaduras para a competição. A tarde, se eu voltar a tempo com Tarso, quero que você o treine, mas se você precisar se poupar para a competição, apenas observe o treinamento dele e o instrua por favor. Já que você irá competir como meu primo, o que você acha de usar o brasão desta casa na competição?

- Tarso, daqui a uma hora, depois que você entregar os itens a Reginaldo, nós 3 e um guarda vamos a cidade. Ele irá com um guarda cuidar das compras e vendas, e eu e você iremos resolver outro assunto.

Termino de comer rapidamente, e vou orientar os aprendizes a fazer o restante dos perfumes antes de sair (havia material comprado para fazer mais 5). Dedico entre meia hora (tempo necessário para preparar os perfumes) a uma hora (para instruir e corrigir os aprendizes). Depois os aviso que se eu terminar de resolver meus assuntos pela manhã, no começo da tarde irei ensiná-los a fazer pomadas cicatrizantes. (Acho que precisamos nomear os aprendizes também). Por fim, parto para a cidade para procurar pistas sobre a princesa, vou começar visitando o bairro nobre onde sei que haviam casas de pessoas de conti; quero ver a movimentação das casas.

#45 Lafbre Lander Enviado : 05/03/18 11:52
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Tento admirar a beleza da capital mas simplesmente mal consigo olhar. Fito o chão pensativo e me dirijo à conexão entre o palácio e a casa real pelo lado de fora da construção.

No caminho cumprimento os guardas com acenos de cabeça. Caso as guerreiras ainda estejam comigo, puxarei um conversa amigável.
- A que horas foram convocadas? Ainda havia banquete? Por favor, se vamos trabalhar juntos, contem-me um pouco mais de suas histórias.

Chegando até lá, procurarei por algum sistema de esgoto ou canais que abasteçam o palácio. Se existir este sistema, procurarei informações sobre o subterrâneo da cidade identificando as saídas à céu aberto.

#46 saulocr Enviado : 05/03/18 14:31
MARCUS MOLDI

Citação:
O anão encerra a conversa lhe dando um aperto de mãos e dizendo: "Neste caso eu procuro seu tio nos jogos! Acredito que ele estará presente.


FERNÃO COPPA

Citação:
Você perde grande parte do dia ensinando seus aprendizes a fazerem os perfumes, eles ainda estragam metade das matérias primas, tornando-os pouco efetivos lhe dando algum prejuízo. Vocês almoçam mais cedo e antes do meio dia seguem para a cidade.


LAFBRE LANDER

Citação:
Elas te acompanham até a frente da casa real, haviam guardas nas guaritas em cada lado do muro e outros no portão de entrada. Seu pedido pareceu intrigar as guerreiras, então elas se revezavam enquanto diziam brevemente: "Não fomos convocadas! Chegamos com a comitiva de nossa mãe, a Rainha Gwen... E ainda estava no meio do banquete quando fomos anunciadas no palácio... Quanto as nossas histórias basta saber que somos sete filhos, três homens e quatro mulheres. Dois de nossos irmãos estão em Muli, o mais jovem vive em Chats. Minha mãe sempre disse que nós três puxamos o sangue da família D'Leron, por isso ela nos enviou para receber treinamento militar. Enquanto a nossa irmã mais velha é casada com o Duque de Azanti e nós três fomos treinadas como guerreiras." Não estava a vista nenhum esgoto a vista.
saulocr anexadas as seguintes imagens:
prefeituraidadedoferro.jpg
#47 Lafbre Lander Enviado : 06/03/18 09:09
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Noto a existência de duas torres de guarda nas laterais edifício, aponto para elas e pergunto às guerreiras: - Vocês acreditam que dali de cima seria possível perceber algum movimentação da possível fuga?

Caso, a resposta seja positiva, procurarei o guarda mais próximo e perguntarei: - Quem é o responsável pelos homens daquela torre? Desejo conhecer o guarda que estava ali ontem, no horário do banquete. Estaremos a espera dele na torre.

Ao subir verificaremos se a posição é realmente privilegiada.
#48 saulocr Enviado : 06/03/18 09:38
LAFBRE LANDER

Citação:
Uma das princesas guerreiras lhe diz: "É possível, mas acha mesmo que a princesa saiu andando pelo pátio com dezenas de soldados nas redondezas?" O banquete acabou a pouco mais de uma hora, o homem lhe indica um guarda na torre, era o mesmo que estava na hora durante o banquete. O nome do rapaz era Felipe. A torre tinha cinco metros de altura e era sim possível ver bem os arredores.



#49 Fernão Coppa Enviado : 06/03/18 13:39
Jogador: samuel.azevedo
EF: 33
EH: 9
Karma: 0
Lançamento 2d20=5,18
Depois de tentar fazer os perfumes com os aprendizes, Fernão e Tarso partem para a cidade com Reginaldo e um guarda. Reginaldo irá vender armaduras e comprar materiais, e Fernão e Tarso irão para o bairro nobre para procurar pistas sobre a princesa. Ao chegar lá, Fernão tenta Usar os Sentidos para ouvir entre as conversas da rua se alguém menciona a princesa ou se encontra algum de seus contatos da nobreza.
#50 Marcus Moldi Enviado : 06/03/18 15:15
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30
Cumprimento com o aperto de mão ao anão e digo: "Sim, certamente estará presente...Ele estará o aguardando Lorde Thoros...Me dê licença..." Antes de sair da sala, pergunto ao Lorde anão: " O Lorde sabe onde posso encontrar o Diplomata Alonzo Martine de Calco?"

Caso ele saiba, vou a procura do Diplomata, caso contrario ficarei um tempo no palácio esperando o retorno do Diplomata aos seus aposentos.

(Pensamento: "Preciso falar com ele hoje, pois amanhã terei os meus afazeres com a senhorita que estou alfabetizando. Preciso saber mais um pouco sobre as escolas de magia e quem procurar para me aprofundar sobre o assunto")
#51 Lafbre Lander Enviado : 07/03/18 14:19
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Escutarei a princesa e direi: - Mesmo que a fuga tenha ocorrido antes do fim do banquete, acho que você está certa.

Tentarei perceber se o guarda possui sinais de cansaço, remelas ou algo que indique que estivera dormindo. Apertarei a mão de Felipe e sem soltá-la, levarei a outra mão ao seu ombro. Pedirei: - Soldado, sou Lafbre Lander a serviço de Sir Malcom. Relate os acontecimentos das últimas horas, aqui de cima certamente é possível enxergar as movimentações das saídas laterais do salão. Informe se alguma carroça, carruagem ou cavalo esteve parado próximo às saídas laterais.
#52 saulocr Enviado : 07/03/18 15:11
FERNÃO COPPA

Citação:
A rua dos barões estava bem mais guardada do que de costume, haviam poucos nobres a vista, apenas alguns poucos em suas carruagens passavam pelo lugar. Ninguém falava sobre o assunto abertamente, talvez nem soubessem do que estava acontecendo, enquanto caminhavam pelas calçadas eram acompanhados a distancia por duplas de sentinelas, mas nenhum ousaram lhes perturbar.


MARCUS MOLDI

Citação:
O anão lhe diz que não sabe onde Alanzo poderia ser encontrado. Você aguarda por quase uma hora, até que um dos guardas diz que deve se retirar, pois já iria anoitecer e somente aqueles alojados no palácio tinham acesso.


LAFBRE LANDER

Citação:
O guarda estava há quatro hora de guarda e seria "rendido" dentro de outras duas horas, não parecia cansado. Ele estranha sua pergunta e pensa um pouco procurando algo de relevante e lhe diz: "Na verdade daqui só da pra ver uma das saídas do palácio, aquela... " Ele aponta para uma porta grande que dava acesso do palácio para a Casa Real, haviam dois homens de guarda:"Mas nenhuma carruagem entrou por aqui, eu teria percebido".
saulocr anexadas as seguintes imagens:
Palácio e Casa Real.jpg
#53 Fernão Coppa Enviado : 07/03/18 15:13
Jogador: samuel.azevedo
EF: 33
EH: 9
Karma: 0
Lançamento 1d20=15
Passeio perto das casas dos nobres conhecidos por serem de Conti, e perto das casas que costumam estar fechadas. Quero observar se há movimentação nelas.

[1d20]
#54 Marcus Moldi Enviado : 07/03/18 23:22
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30
Antes de sair falo com o guarda: "Poderia então falar com a Sta. Lucípide ou sua irmã, a Sta. Joana meu senhor?"
#55 Lafbre Lander Enviado : 10/03/18 15:24
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Agradeço a resposta dele e peço que fique mais alerta para movimentações nas próximas horas.

Após descer da torre me dirijo ao outro lado. Em busca da outra saída. Entendendo melhor sobre os arredores.

- O criminoso sempre volta ao local do crime, correto princesas?
#56 saulocr Enviado : 11/03/18 10:00
FERNÃO COPPA

Citação:
Etiqueta 3, Rolamento 15, Vermelho, Difícil.

Você procura na memória por nobres de Conti vivendo em Chats, entretanto nenhum que não seja os membros da família real de Muli lhe vem a mente. Certamente nenhum eram membros da alta nobreza, talvez algum barão ou baronesa, mas você não sabe quem são.


MARCUS MOLDI

Citação:
O guarda estava visivelmente incomodado com sua presença, ainda assim ele faz o que pede. Após alguns minutos ele volta e pede para acompanhá-lo. Vocês saem do salão até a galeria ao lado, Joana estava a frente de uma porta fechada, ela sorri timidamente e lhe cumprimenta, o guarda pede que seja breve e te aguarda a certa distância para lhe dar privacidade. É perceptível que neste dia em especial há um grande contingente de guardas por toda a ala nobre.


LAFBRE LANDER

Citação:
Enquanto caminhavam até o acesso do palácio para a casa real, uma das princesas lhe interroga: "Acha que Liliane foi sequestrada?" Vocês atravessam os jardins da casa real, havia um lago superficial e algumas árvores, até que chegam a porta guardada por dois homens.
saulocr anexadas as seguintes imagens:
Cena.jpg
#57 Fernão Coppa Enviado : 11/03/18 16:38
Jogador: samuel.azevedo
EF: 33
EH: 9
Karma: 0
Esta busca está um beco sem saída, está mais para o trabalho de uma cartomante.

Comento com Tarso:

- Está difícil. Vamos na casa de Marcus Moldi, quem sabe a tia dele não me conta sobre os nobres de Conti/Muli ou ele mesmo me ajuda nisso.
#58 Marcus Moldi Enviado : 12/03/18 09:36
Jogador: Belisario
EF: 60
EH: 16
Karma: 30
Caminho na direção da Sta. Joana e faço os cumprimentos formais a uma dama, para posteriormente falar em um tom que apenas ela possa escutar: " Bom dia Sta. Joana !!! Fiquei preocupado por não vê-la ao meu lado em meus aposentos na residência de mina Família...Mas, enfim, não vim aqui para pedir explicações e sim para ter plena certeza que estas bem e que não havia acontecido nada com a Senhorita..." Enquanto Joana me responde, fico pensativo por alguns segundos para depois continuar o dialogo, mantendo o tom de voz perceptível apenas para a Sta. Joana: (Pensamento: Há algo de estranho acontecendo por aqui...Espero que a Sta. Joana possa me elucidar sobre o que possa estar acontecendo). "Poderia me explicar o que esta acontecendo aqui?" Faço um sinal com os olhos, indicando para que Joana entenda que estou lhe perguntando algo em relação aos soldados no local.
#59 Lafbre Lander Enviado : 12/03/18 12:09
Jogador: Loabr
EF: 20
EH: 37
Karma: 0
Penso um pouco e respondo a ela:
- Temos de levar em conta as duas opções, uma fuga e um sequestro. Porém, em ambos os casos existe no mínimo um grupo de pessoas envolvidas, seria extremamente difícil sair deste local sem o apoio de algum membro da segurança. Pelo que nós podemos ver, não existe nenhum acesso que ofereça subterfúgio para a fuga. Além disto, a princesa é uma representatividade do Reino, temos um grande leque de interessados, desde sequestradores em busca de algum resgate até peças da nobreza com intenções obscuras.

- De qualquer forma, acredito que uma fuga consensual foi a mais provável. Então, se pudéssemos ter acesso ao perfil da princesa, informações de pessoas de seu convívio ou até mesmo detalhes de sua última viagem... infelizmente Sir Malcom restringiu nossas entrevistas, saberiam vocês de alguém capaz de dar estas informações?

Ao passar pelo lago procuro pistas de pegadas na lama fresca e faço uma observação no arredores. Depois quando chegar até o portão penso se seria provável atravessar o caminho do banheiro até ali sem ser incomodado, ou até mesmo sem levantar suspeitas quanto ao uso de um capuz.

Procuro saber quantos homens estão à minha disposição, caso eu deseje iniciar uma busca.
#60 saulocr Enviado : 12/03/18 13:24
LAFBRE LANDER

Citação:
Uma das princesas comenta, não necessariamente para você: "Vai ser algo difícil estabelecer um perfil dela. Ela cresceu longe da família junto com as freiras na Catedral dos Mares em Muli, então creio que não conseguirá saber muito de seus parentes." Você avalia o chão não havia pegadas próximas ao lago. Seria impossível alguém passar por essa porta sem ser notado, afinal o acesso era restrito somente por membros da família real e neste caso TODOS teriam que se apresentar aos guardas ainda mais se estivessem escondidos por um capuz. O comandante dos cavaleiros brancos não deixou claro, mais certamente dependendo da operação você poderia usar toda a força dos cavaleiros brancos disponíveis no Forte Celto I, ou seja, dezenas de homens.


MARCUS MOLDI

Citação:
Ela te diz: "Sai logo após você dormir, não queria ter problemas com sua tia. Eu ouvi os comentários maldosos dela sobre minha irmã." Em seguida ela demora a entender do que se trata e comenta: "O festival trás gente de todo tipo a cidade, imagino que seja para proteção dos nobres que vem para as festividades. Estou no meio de um chá... Quer me acompanhar?"


FERNÃO COPPA

Citação:
Você se informa com alguns pedestres e eles apontam uma casa confortável com uma pequena mureta e um jardim. Um guarda vigiava a entrada, quando pergunta por Marcus ele entra na casa e volta após pouco tempo dizendo que o lorde não estava em casa, disse que não chegara desde ontem a noite.
saulocr anexadas as seguintes imagens:
RuadosBaroes.jpg
Usuários visualizando este tópico
Guest
11 Páginas <1234>»
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET