Editar Histórico Discutir Voltar para Lista

Criado por elton10pkn

"A diferença entre o veneno e remédio é a dose."

Flemus Berquele, mago naturalista descobridor da pelicilina.

Micômelos são uma espécie de fungo sapiente que habita florestas ou qualquer lugar escuro e úmido. Eles possuem a aparência de um grande cogumelo com pequenos braços e pernas retorcidos. Seus olhos são pequenos e adaptados ao escuro e sua derme apresenta várias tonalidades variando para cada região ou espécie. Eles não possuem boca, mas conseguem se comunicar através de telepatia, semelhante ao efeito da magia Contatos Mentais 3.

Suas origens são desconhecidas, tendo relatos deles desde antes do Terceiro Ciclo. Os Rastreadores elfos acreditam que eles são manifestações de espíritos naturais criados por Maira Vet para manter o ciclo da floresta. Já os magos naturalistas veem semelhanças entre estas criaturas e as árvores animadas, embora não existam formas conhecidas de controlá-los.

Organizam-se de maneira simples, pequenos grupos de 10 indivíduos, porém há relatos de aventureiros sobre comunidades subterrâneas com mais de 100 membros. Assim como a maioria dos fungos eles são decompositores e alimentam de matéria orgânica morta como os de animais e plantas. Todos os membros de uma comunidade agem em prol dá mesma, coletando e distribuído entre si qualquer coisa que necessitem.

Eles são criaturas pacíficas, preferindo manter distancia de pessoas ou animais. O único problema é quando seus brotos são perturbados. Reproduzem-se através de seus esporos que são jogados numa área reservada para isso no lugar onde habitam, funcionado como uma espécie de berçário. Lá, os pequenos micômelos ficam até atingirem a fase adulta. No entanto, durante esta fase de amadurecimento podem ser confundidos com cogumelos normais que são muitas vezes colhidos por desavidos. O micômelos então tentaram usar esporos atordoantes para expulsar o intruso, mas se esse estes resistirem ponderam usar táticas mais agressivas.

Tais táticas incluem esporos venenosos e alucinógenos como também seus punhos. Mas sem dúvida sua arma mais usada são os esporos, já que são relativamente fracos fisicamente e possuem uma fraqueza a ataques que usem fogo. Todos micômelos possuem esporos paralisantes, mas cada espécie possui um esporo característicos usados geralmente para atacar; são conhecidos quatro tipos de micômelos: muscatos, penicilos, púrpuros e umbros. Os muscatos são os mais comuns e apresentam um esporo altamente venenoso que causa espasmos e convulsões; os penicilos possuem um esporo que causa irritação na pele, nos olhos e em casos mais raros hemorragias fatais; os esporos dos púrpuros são os mais conhecidos por causar delírios e alucinações; por último há os umbros os mais raros da espécie, eles existem somente em lugares com alta concentração de karma infernal, que ao absorver esta energia passam a ser agressivos e perigosos, seus esporos causam um efeito semelhante a magia putrefação.

Informações Complementares

Os extratos dos Micômelos são muito valiosos e apresentam muitas propriedades para quem tiver habilidade de manuseá-los, se uma criatura for amigável eles podem de bom grado dar uma amostra de seus esporos. Para preparar o extrato que pode ser um veneno, remédio ou droga deve ser feito um teste de Medicina ou Venefício a dificuldade depende da matéria-prima, Difícil se for o esporo e Fácil se for o Broto. Falhas significam que porção usada foi perdida e falhas críticas que quem estava preparando o extrato foi envenenado com um efeito semelhante ao usado nos ataques dos micômelos.

  • Micômelo Muscato: O extrato produz um veneno chamado Muscarina que deve ser ingerido, ele é conhecido pela sua ação lenta que mata a vítima até sete dias depois da ingestão o que dificulta a identificação do seu administrador. O veneno é altamente solúvel em água e é geralmente dado em vinhos. Quando a vítima o ingere deve fazer sete testes de resistência física, um a cada 24 horas após a ingestão. A força de ataque é inicialmente 20 diminuído em 3 a cada dia. Para ser fatal a vitima deve falhar em 4 dos 7 testes. A vitima começa a sentir os efeitos, que são progressivos e cumulativos, a partir de 2 falhas onde ela começa a sentir um mal estar e uma dor de cabeça leve, caso falhe em mais um ela recebe -6 em qualquer teste físico ou mental que fizer e passa a ter confusões mentais na quarta falha ela passa a ter fortes espasmos e alucinações e -30 na EF morrendo em 1d10 horas a partir do inicio dos sintomas. O veneno pode ser tratado por meios normais até o 3 falha com um teste de Medicina Médio, após a quarta falha o veneno só pode ser curado por meios mágicos. A duração dos efeitos não letais duram 24 horas. Se a vitima souber que foi envenena logo a ingestão (até 1 hora depois) ela pode ser induzida ao vômito e um teste de Medicina Rotineiro cessa todos os efeitos do veneno.

  • Micômelo Penicilo: O extrato produz um remédio chamado Penicilina, este remédio é muito raro e caro sendo vendido a 5 M.O a dose. Este remédio é conhecido por ser altamente eficiente contra diversas infecções. O remédio deve ser ingerido e seu efeito é que a diminuição -2 níveis de dificuldade em qualquer teste contra infecções. Nota-se que ele não funciona em certos tipos de infecção sendo necessário o Mestre um certo conhecimento sobre a infecção.

  • Micômelo Púrpuro: O extrato produz uma droga chama Purpurina, esta droga é conhecida por causar alucinações e por ser altamente viciante. O numero Uso Viciante é 3 com força de ataque é 15, e o efeito começa a ser sentido 4 rodadas depois de ingerida e dura até 2 horas. O principal efeito desta droga ela a alucinação e a sensação de bem estar onde o afetado passa a ver algo que ele deseja muito ou algo que ele acredite. Esta droga é muito utilizada por povos primitivos pela crença que ela cause visões divinas. Ela também causa efeito se em contato com a pele sendo que seu efeito começa a ser sentido em 8 rodadas.

  • Micômelo Umbro: O extrato produz uma droga ou remédio, a droga de chama Pó do Demônio e o remédio se chama Umbrelina. A produção deste extrato é diferente da dos outros Micômelo, a produção a partir do esporo é muito difícil e do broto e difícil, sendo que para produzir o remédio deve-se ser usado o broto e o veneno os esporos. O Pó do Demônio é extremamente raro que possui um efeito semelhante ao veneno Morte Rubra, o extrato ao ser dissolvido em água assume um aspecto semelhante a sangue demoníaco e pode ingerido ou injetado na vitima. A Umbrelina é muito mais raro que o Pó do Demônio e possui um efeito oposto já possui a capacidade de decompor Karma Infernal e pode ser usado para tratar os efeitos da Morte Rubra ou do Pó do Demônio, uma única dose é capaz de cessar seus efeitos. Devido suas raridades os extratos de Micômelo Umbro não podem ser encontrados a venda e uso de Pó de Demônio é tão grave quanto o uso da Morte Umbra.

Tipo de Criatura

Criaturas Místicas

Ambientação

Reinos / Terras Selvagens

Organização e Habitat

/ Florestas e lugares escuros

Magias e Poderes Especiais

Esporo Paralizante: Esporo Venenozo:

Peso/Altura

  • Muscato: 25 Kg / 0,5 a 0,65 m
  • Penicilo: 25 Kg / 0,5 a 0,65 m
  • Púrpuro: 25 Kg / 0,5 a 0,65 m
  • Umbro: 30 Kg / 0,55 a 0,65 m
Atributos

  • Muscato: INT(-1), AUR(0), CAR(0), FOR(0), FIS(1), AGI(-1), PER(2)
  • Penicilo: INT(-1), AUR(0), CAR(0), FOR(0), FIS(1), AGI(-1), PER(2)
  • Púrpuro: INT(-1), AUR(0), CAR(0), FOR(0), FIS(1), AGI(-1), PER(2)
  • Umbro: INT(0), AUR(1), CAR(0), FOR(0), FIS(1), AGI(-1), PER(2)


NomeEstEFEHDefesaAtaqueLMP100%75%50%25%RFRMMoralVB
Micômelo Muscato 6110L-1Punhos467432176610
Micômelo Penicilo 6110L-1Punhos467432176610
Micômelo Púrpuro 6110L-1Punhos467432176610
Micômelo Umbro 8110L-1Punhos6896331991010