Editar Histórico Ver Discussão(31) Voltar para Lista

Criado por bruno

Acreditava-se que os licantropos ursos fossem os mais fortes do Mundo Conhecido, porém uma nova raça foi descoberta: os licantropos rinocerontes.

Esses licantropos são raros, pois, apesar de poderosos, são poucos em relação aos outros tessaldarianos e, além disso, costumam esconder a sua existência.

Criados para a guerra, estas criaturas são poderosas máquinas de destruição. Quando transformados assumem a aparência de majestosos rinocerontes-brancos. E em sua forma humana lembram seus animais totens: sua pele possui coloração acinzentada e é áspera ao toque, geralmente são indivíduos grandes e musculosos, mesmo as mulheres. No entanto a características mais marcante da raça é o pequeno chifre em sua fronte, que os machos líder costumam adornar com braceletes e anéis de ouro ou prata.

Uma das peculiaridades desse povo é que somente os machos costumam se transformar. Apesar de possuírem essa habilidade as fêmeas são proibidas de usá-la. Também não podem lutar ou exercer qualquer papel de liderança na tribo. As punições por quebrar qualquer desses costumes são severas e muitas vezes levam à morte.

Além de patriarcal, a sociedade dos licantropos rinocerontes é escravagista e territorialista. As tribos, localizadas em regiões semiáridas, organizam-se em pequenas vilas fortificadas com muros de pedra, fossos ou paliçadas. Ali a maioria dos jovens machos se ocupa em impedir que estranhos se aproximem da aldeia, enquanto as fêmeas cuidam dos afazeres domésticos e dos filhotes. Os adultos organizam grupos de caça e pequenas caravanas de comércio para obtenção de víveres e outras necessidades. Como são exímios no trabalho com metais – pois seu couro grosso protege contra queimaduras e o calor das forjas – suas armas costumam ser sua melhor moeda de troca. Nessas caravanas os membros camuflam seus chifres com os cabelos, tubantes e capuzes para evitar serem reconhecidos. Geralmente negociam com outras caravanas ou viajantes em rotas comerciais conhecidas, essa é a melhor oportunidade de contato com essa misteriosa raça.

Mesmo possuindo proteção natural os machos adultos apreciam usar armaduras, em sua maioria couraças. Suas armas favoritas são as de duas mãos, como achas e manguais. Em combate, seu primeiro ataque é feito com seu chifre, depois com as armas. São muito confiantes, sendo raro que fujam da batalha.

As lendas deste povo ensinam que eles receberam seu totem de Aktur (Blator). Eles creem que o rinoceronte é o totem das sombras de Aktur, sendo o lobo o seu totem da luz. Acreditam ainda que todos os deuses possuem totens das sombras, e que, assim como eles, esses totens mantêm sua existência em segredo até que chegue o dia da Grande Profecia.

Naquele dia, diz a lenda, haverá uma grande guerra e os totens da luz, por viverem expostos, serão exterminados do mundo. Então, somente os totens das sombras permanecerão para batalhar. Quando este dia chegar, os fiéis receberão novos totens de poderosos animais místicos. E aos rinocerontes será confiada a honra de serem os generais e comandantes das forças divinas.

Tipo de Criatura

Licantropos

Ambientação

O Império

Organização e Habitat

/ Sul do Império

Magias e Poderes Especiais

Macho (podem se transformar em rinocerontes).

Peso/Altura

2000 Kg / 2,3 a 2,9 m

Atributos

INT(2), AUR(0), CAR(1), FOR(8), FIS(5), AGI(2), PER(3)


NomeEstEFEHDefesaAtaqueLMP100%75%50%25%RFRMMoralVB
Licantropo Rinoceronte 1594(110)0P4Axa de Armas212625241812620152630
Chifre18161228231813
Mangual (com uma mão)2224242418126