Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

4 Páginas <1234>
Capítulo 05e - O Reino Corrompido Opções
#61 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 14/03/17 16:38
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Baixo o manto e mostro meu rosto: "Sou Gáldor Tinúviel, ex-comandante do corpo de guarda do reino de Artar. 13º da linhagem de sucessão ao trono de Citira, Protetor do Sul e Rei de Batel'mor! Vim trazer uma oferenda a Heldrom!"
#62 samuel.azevedo Enviado : 14/03/17 16:41
- Oferendas são deixadas em templos. Mas se quer uma audiência com Deus anotaremos seu nome e lhe daremos uma resposta amanhã. - responde o anjo caído sem armadura.

#63 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 14/03/17 16:53
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
"Alguém poderoso como eu detestaria ter que esperar... Eu queria ter acesso ao castelo agora, mas infelizmente almas de virgens humanas são deveras raras e extremamente caras neste reino e eu apenas consegui uma e vocês são dois! Esperava que houvesse somente um de vocês aqui para que pudesse se deliciar com a pureza dessa virgem! Mas pelo jeito... terei que procurar outro guarda para negociar, talvez noutro portão..." Espero pela reação deles.
#64 samuel.azevedo Enviado : 16/03/17 09:57
Os anjos caídos se entreolham, e um deles estende a mão:

- Aceitamos a oferta. Pode passar, mas não diga que passou por aqui.

Gáldor sobe a escadaria, e quando olha para trás vê os dois alternando enquanto sugam uma nuvem de cores pulsantes do frasco.

Então, acompanhando o mapa, cruza pelo hall de entrada do castelo e quando estava prestes a descer a escadaria é parado por outro guarda anjo caído:

- Alto aí! Quem é você e quem o autorizou a descer por essa escada?

//edit: desta vez, se for tentar convencer o guarda ou oferecer propina, faça um teste da habilidade mais adequada.
#65 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 16/03/17 13:36
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Lançamento 1d20=9
Viro o rosto para o guarda em tom ameaçador: "Não reconhece um superior quando o vê? Não me faça perder tempo, leve-me até Egeon!"

Vou tentar persuadi-lo fazendo-o acreditar que sou alguém importante.

[1d20]

#66 samuel.azevedo Enviado : 18/03/17 16:56
Persuasão 4, rolamento 9, amarelo, fácil. Falha.

- Você, mero mortal, superior a mim? Anjo do Único e Verdadeiro Deus, Heldrom? Hahahaha. Dê-me um motivo para não fulminá-lo aqui e agora por esta ofensa.
#67 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 19/03/17 17:50
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Penso seriamente em matar o desgraçado, porém preciso das minhas forças caso precise enfrentar o demônio do portal: "Pois bem! Preciso chegar ao portal de entrada, ou seja, lá embaixo e encontrar Egeon. Eu tenho algo que ele precisa e em troca ele me dará algumas purezas de virgens humanas, eu posso dar a metade para você caso me leve até lá embaixo."

Vou tentar persuadi-lo novamente.
#68 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 19/03/17 17:51
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Lançamento 1d20=16
#69 samuel.azevedo Enviado : 20/03/17 23:44
Persuasão 4, rolamento 16, vermelho, difícil - 2 níveis pelo reteste - amarelo, fácil. Falha.

- Porque eu não tiro o que você tem e entrego eu mesmo a ele em troca das almas? Hahaha! Entregue agora e o pouparei da dor.

O guarda saca uma espada de fogo e aponta na direção do pescoço de Gáldor.
#70 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 21/03/17 08:55
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Falo devagar e pausadamente, vou tentando enrolar o caído sem lhe olhar diretamente nos olhos: "Não acha estranho um vivo andar livremente pelo castelo de Heldrom? Imagine a você o quão reconhecido ficaria se descobrisse quem vem abrindo os portões para estranhos?" Deixo ele pensar um pouco enquanto concentro força interior. Em seguida vou concentrando fúria e falando a cada palavra vou aumentando meu tom de voz até aos gritos: "Quanto as purezas de virgens humanas, eu não tenho! Egeon me pagará pela minha informação, você não ouviu sua besta corrompida e medonha?" Seguro a montante com as duas mãos preparado para o embate:"Queria um motivo? Eu fui criado a imagem e semelhança de Palier, sua luz guia meus passos na escuridão. Quando recém nascido aprendi a caminhar segurado pelos dedos indicadores de Blator, isto fortaleceu meu espírito. Engano seu se acha que sou mortal... Me foi concedido a decisão de viver ou não para sempre, não sou um fantoche que tem a liberdade presa ao que restou de algo que um dia foi belo! Se Heldrom aqui viesse arrancaria suas asas podres com as próprias mãos e é isto que terá no final deste embate!"
#71 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 21/03/17 08:55
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Lançamento 2d20=12,10
#72 samuel.azevedo Enviado : 22/03/17 19:30
[1d20]
#73 samuel.azevedo Enviado : 22/03/17 20:06
Força Interior 9, rolamento 12, laranja, médio: +2 na Força;
Fúria 9, rolamento 10, laranja, médio, Sucesso: +3 no ataque e dano, imune a dor em alguns críticos e magias, e continua lutando até -10 na física.

//off: que armadura está usando? A de Anilien? Porque a de placas douradas ficou para trás na calçada do escriba...

Ao ouvir as ofensas do elfo e notar que ele preparava-se para sacar a montante, o anjo caído saca sua espada e tenta acertá-lo.

//off: vai sofrer um ataque (resultado 2 no post anterior) antes da 1a rodada. Pode rolar iniciativa e ações de 3 rodadas.


#74 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 22/03/17 20:25
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Lançamento 3d20=4,18,13,17
Off: Sim, estou com a cota de malha.

Tento desviar do primeiro golpe ataco usando a espada de duas mãos sempre procurando acertar as asas.



#75 samuel.azevedo Enviado : 25/03/17 10:40
#76 samuel.azevedo Enviado : 25/03/17 16:56
Defesa atual de Gáldor (sem ativar a magia dos itens): armadura de anilien (defesa P1, +12 absorção) + elmo fechado (+2 absorção), EF = 19 + 24 +4 = 47; Defesa P1+3 (agi) = P4.
Guarda Caído, ataque com espada de luz corrompida, coluna 9 (P13-P9), rolamento 2, branco, erro.


O guarda tenta fazer um corte no peito de Gáldor enquanto sacava a espada, mas se atrapalha e o golpe passa tão longe que o elfo nem precisa se incomodar em defender.

iniciativas: Guarda Caído 7, Gáldor 4.

1a a 3a Rodadas
Citação:
Guarda Caído, ataque com espada de luz corrompida, coluna 9 (P13-P9), rolamento 5, amarelo, 25% de dano. (5 de dano).
Gáldor Tinúviel, ataque com espada de duas mãos, coluna 16 (P15-P2+3), rolamento 18, azul escuro, 125% de dano. (31+5 de dano)
Guarda Caído, ataque com espada de luz corrompida, coluna 9 (P13-P9), rolamento 6, amarelo, 25% de dano. (5 de dano).
Gáldor Tinúviel, ataque com espada de duas mãos, coluna 16 (P15-P2+3), rolamento 13, vermelho, 75% de dano. (18+5 de dano)
Guarda Caído, ataque com espada de luz corrompida, coluna 9 (P13-P9), rolamento 18, azul, 100% de dano. (20 de dano).
Gáldor Tinúviel, ataque com espada de duas mãos, coluna 16 (P15-P2+3), rolamento 17, azul escuro, 100% de dano. (23+5 de dano)


- Infeliz, suas ofensas serão rebatidas com a minha espada!

O guarda tenta perfurar Gáldor com a ponta da espada, mas o treinamento do Tinúviel faz com que ele automaticamente assuma uma postura de guarda e ele se esquiva com elegância dando um passo para o lado fazendo o anjo "atravessar" a posição onde ele estava. Então o bravo guerreiro contra-ataca com um golpe que quase corta uma das asas do anjo, mas o caído gira a espada sobre a asa e impede que a arma do oponente o corte.

Então os dois se posicionam de frente um para o outro novamente, e dessa vez, Gáldor apara o golpe do guarda e contra-ataca aproveitando o movimento e desenhando um "8" deitado com a espada de duas mãos em um só movimento. O Anjo Caído se mantém ereto em guarda e também bloqueia o dano do oponente.

Finalmente o guarda tenta aproveitar uma "brecha" no movimento de Gáldor e quase o acerta, mas o elfo desvia novamente e o golpe corta um único fio de seu cabelo. Furioso, o elfo ergue a espada com as duas mãos e desce um corte tão potente que partiria a cabeça do anjo caído se ele não bloqueasse com sua espada infernal. O anjo segura a própria espada no cabo com a mão direita e com a outra mão apoia a lâmina para aparar o golpe do oponente. Apesar do guarda tentar disfarçar, era difícil não transparecer que ele já se cansava do combate.


Guarda Caído, EF 29, EH 0, P2.
samuel.azevedo anexadas as seguintes imagens:
castelo negro 01.jpg
#77 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 27/03/17 07:19
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Enfio a espada com as duas mãos no peito do anjo caído, caso consiga cravar deixo a espada presa em seu tronco, então tento agarrar as asas do caído e com as mãos arranco as asas dele.
#78 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 27/03/17 07:23
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Lançamento 3d20=18,19,10
#79 samuel.azevedo Enviado : 27/03/17 09:43
#80 samuel.azevedo Enviado : 27/03/17 14:35
Com um golpe da espada, Gáldor corta o tronco do anjo em dois na altura da cintura. Então crava sua espada no peito da criatura e depois arranca as duas asas com as mãos, apoiando um dos pés nas costas do anjo demoníaco. Uma luz laranja pulsa no centro do monstro, e com o golpe final ele "explode" luz e vento, restando o corpo em duas partes e a arma no chão, e as asas nas mãos do elfo.
#81 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 27/03/17 16:25
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Junto a espada e penso comigo mesmo, "desgraçado fez eu perder tempo". Dou uma conferida no mapa e desço as escadas a procura de Egeon.
#82 samuel.azevedo Enviado : 28/03/17 00:07
A longa escadaria, feita de ossos gigantes, leva a um subterrâneo cheio de caveiras de demônios num lugar que lembrava uma catacumba sinistra. A pilha de caveiras fazia um monte no meio da sala. Entre o monte e a escada havia um homem de olhar vazio e grandes asas laranjas.



Ele estala um chicote de três pontas, provavelmente amarradas com ossos.

- Não sei como você conseguiu chegar até aqui, mas não dê mais nenhum passo! Eu, Egeon, guardião do portal, ordeno em nome de Heldrom!

//off: se resolver lutar sem conversar antes procurando outra saída, role iniciativa e 3 rodadas.
#83 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 28/03/17 07:17
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Respondo ao guardião: "Desculpe-me mas isto eu não posso fazer! Não pertenço ao mundo dos mortos e preciso passar pelos portões, além disso acredito que possamos negociar uma passagem segura."
#84 samuel.azevedo Enviado : 29/03/17 21:45
O demônio esboça um sorriso:

- Negociar, você diz. O que tem para me oferecer que possa me mover de cumprir com meu dever com o Único e Verdadeiro Deus, Heldrom? Não aceito menos do que aquilo que você tem de mais precioso.

//off: Descreva junto com o que vai falar na negociação, o que Gáldor internamente pensa ser seu bem mais precioso, e role um teste de barganha.
#85 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 30/03/17 13:29
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Lançamento 1d20=13
A criação de Gáldor se deu pelos próprios membros da sua linhagem antiga de guerreiros elfos, que acreditavam na superioridade elfíca. Que no auge da importância para a nação de Lar, o patriarca da família apoiou o líder expansionista Seret Analiom que tinham ideias parecidas com o que pregavam os Tinúviel, que mudaram de lado no ultimo momento quando os Tinúviel se rebelaram contra o Conselho das Sombras. Mesmo assim, os Tinúviel perderam prestigio de outrora, exceto por um ou outro membro da família que se mantiveram contra Seret Analiom desde o inicio. Portanto Gáldor acredita que sua linhagem guerreira foi criada por Palier, mas moldada por Blator, entende que são os guerreiros elfícos mais capazes do mundo, o que quer dizer que são superiores as outras raças. Ele se orgulha da superioridade elfíca, ainda mais por ser um dourado guerreiro, uma raridade! Gáldor então pensa um pouco e receoso saca a espada caçadora: "É um poderoso item encantado no mundo dos vivos! Um item único... Mais do que isso... Ela está a centenas de anos com minha família e foi empunhada pelos maiores guerreiros de Tagmar. É a maior honra para qualquer ser vivo usá-la em combate".

Barganha

[1d20]
#86 samuel.azevedo Enviado : 30/03/17 13:52
[1d20] Barganha 15
#87 samuel.azevedo Enviado : 30/03/17 13:56
Gáldor, Barganha 2, rolamento 13, laranja, médio.
Egeon, Barganha 15, rolamento 14, vermelho, difícil.

O guardião estava ainda mais atento enquanto Gáldor pensava na resposta. Quando o Tinúviel finalmente propõe entregar a arma, o guardião responde:

- Este brinquedo aí? Estou pensando em algo que lhe seja mais caro, como sua linhagem élfica ou mesmo sua alma. O que vai ser?
#88 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 30/03/17 14:45
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
É uma decisão difícil para Galdor, já havia descartado vender minha alma, mesmo assim durante um tempo analiso como seria a vida como um não elfo dourado, pois não pretendia viver para sempre no inferno. No fim ainda avalio se não poderia derrotar o guardião, mas no fim declino da ideia e comunico: "Abro mão da minha linhagem!"
#89 samuel.azevedo Enviado : 30/03/17 20:52
Sem esperar o elfo titubear, Egeon agita suas asas e flutua a poucos metros sobre o chão, enquanto gesticula e murmura palavras arcanas. Então, ele diz em voz solene:

- Assim como em meu pacto com Heldrom, eu, Egeon, abri mão do que tinha de mais precioso, o meu amor pela minha filha, em troca da cura dela. Neste pacto você, Gáldor Tinúviel, abrirá mão do que tem de mais precioso, a sua linhagem, em troca da passagem pelo portal.

Ele arranca uma de suas penas e ela voa até as mãos de Gáldor. Uma energia laranja liga os dois quando o elfo toca na pena.

- Estas asas outrora prateadas pertencem a uma relíquia de Crizagom, que consegui quando era Grão Vizir da Moldânia. Basta segurar uma pena e atravessar o portal, e o nosso pacto estará consumado.
#90 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 31/03/17 13:04
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Seguro a pena, hesito... Mas atravesso portal.
Usuários visualizando este tópico
Guest
4 Páginas <1234>
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET