Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

Responder...
Ilhas Independentes - Religião Opções
#1 Marcelo_Rodrigues Enviado : 15/08/12 20:19
Esta discussão foi criada para discutir o seguinte verbete da TagmarPedia:

Ilhas Independentes - Religião

Acessem o verbete pelo link acima. Critiquem, dêem sugestões.

OBS: Façam apenas sugestões e críticas que conduzam a uma melhoria do texto.
#2 Marcelo_Rodrigues Enviado : 15/08/12 20:24
Pessoal,

esta concepção dos Titans para as Ilhas Independentes não é adequada, pois os que restaram não se manifestam no mundo material.

No caso seriam religiões sem sacerdotes reais (não fazem magia)?

#3 Marcelo Villanova Enviado : 15/08/12 20:48
A idéia inicial seria essa mesma, sacerdotes sem poder real e um culto falso, que teve como consequência o cataclismo, a destruição do continente e o nascimento das Ilhas.
Mas infelizmente, os novatos ávidos por criarem outro panteão e intrigas divinas a estilo dos deuses gregos acabaram desviando essa discussão.
Nas ilhas o culto majoritário seria a Ganis, por motivos óbvios.
#4 Marcelo_Rodrigues Enviado : 18/08/12 16:34
OK,

então ajustei o texto para deixar isto mais claro.
#5 samuel.azevedo Enviado : 29/08/15 11:11
Citação:
A idéia inicial seria essa mesma, sacerdotes sem poder real e um culto falso, que teve como consequência o cataclismo, a destruição do continente e o nascimento das Ilhas.
Mas infelizmente, os novatos ávidos por criarem outro panteão e intrigas divinas a estilo dos deuses gregos acabaram desviando essa discussão.
Nas ilhas o culto majoritário seria a Ganis, por motivos óbvios.


Graças a deus pelos novatos... Como este fórum é colaborativo, nenhuma ideia que não foi votada deve ser considerada como "lei", claro respeitando o autor de cada texto. Mas tudo pode ser alterado e discutido, ideias podem se fundir, antes de ir para votação, não?

Na minha opinião, ter novamente um subconjunto do mesmo grupo de deuses com novos nomes é ficar na mesmice. Imagino que o que está "limitando" a criatividade aqui seja o receio de ter que criar novas especializações.

Poderia ter um culto falso, um culto a titãs segundos e um culto aos deuses, porque não? Ou até mesmo, dividir os deuses atuais em religiões divergentes com subgrupos de deuses, por exemplo: os deuses da guerra x os deuses da paz.

De toda forma, os sacerdotes do grupo A poderiam acusar os deuses do grupo B de tentar destruir a região, enquanto seus deuses protegeram a região da devastação total, já os do grupo B podem acusar que a destruição foi causada pelos infiéis do grupo C, e o grupo C dizer que os grupos A e B são invasores que desrespeitam os costumes locais.

Não poderia haver ao menos algum titã-segundo atuando como deidade nesta região, como Tânis n´O Império? Acho que um titã-segundo encontrado por mergulhadores acorrentado no fundo do mar poderia cair bem. Poderia ser o "deus" das correntezas e dos afogados.

Falsos ou não, penso em divindades com aspectos mais relacionados a vida do povo das ilhas - deuses (titãs-segundos) da pilhagem, das brumas, do frio e do gelo, da insolação e da loucura, das marés, dos navegantes e dos náufragos, etc. Ou talvez outros titãs-segundos referentes aos paraelementos.

Mudando de assunto um pouco: para os povos desta região, Líris e Quíris continuarão "pregados" no seu pai ou seriam mais ligados a sua mãe, representando alguns aspectos de sua área de atuação? Ou a própria Gânis, devido a sua influência na região, poderia ser representada em três aspectos.

Abraços
#6 Ketalel Enviado : 04/09/15 11:47
Samuel, como você tenho pretensão de que nas Ilhas tenhamos cultos diferentes. Uma grande esperança para que isso se concretize. Trocar o nome dos deuses (novamente) não agrega muito à ambientação.
Por mais deuses em Tagmar.
#7 Joao Enviado : 04/09/15 18:11
Uma coisa que ainda não entendi: Porque não ter religiões dos titãs? Só porque não tem o nome "deuses" na frente? Isso não necessariamente tem um caráter "falso".

Isso poderia criar tipo de profissão religiosa que ficaria entre sacerdotes e magos. Se for por falta de nome temos: Pajés; Monges; Fraternidades (Frades); Eclesiásticos; Acolhidos; Assembleistas; Pastores; Druidas;


Dada a característica dos titãs:
Tanis, a rocha que ferve.
Tulã, o fogo elétrico.
Metalicana, que ensinou o uso das espadas aos humanos.
Raiz, que se apaixonou pelas criações de Palier.
Cristália, a mais bela e transparente.
Astro, o que permeia os céus.
Nébula, a incorpórea.

Eu escolheria o nome "Druidas" para os seguidores dos titãs.Feliz E eles teriam sua maioria de seguidores nas ilhas independentes.

PS: E para as magias, o fato de não ter a habilidade de distribuir o mana que nem os deuses, eles misturariam o seu mana com o mana espalhado dos Titãs originais tendo um caráter intermediário entre as magias e os milagres.
#8 Arion Enviado : 04/09/15 18:52
Acho que o "X" da questão são os milagres dos sacerdotes. Como os milagres têm sua origem nos próprios deuses do panteão, ficaria difícil explicar a magia dos sacerdotes de lá. Mas acho que poderíamos superar isso dando magia pura aos druidas das ilhas independentes.
#9 Joao Enviado : 04/09/15 19:31
Extatamente!

Mas talvez não seja preciso inventar novas magias.

Pelo fato dos titãs segundos ficarem num meio-termo eles poderiam dar a habilidade dos druidas flexibilizarem as magias.

Isso criaria uma profissão totalmente diferente (não apenas um mago com novas magias) ! Mas a habilidade de misturar efeitos de escolas normalmente separadas.

Solução 1: Um druida de Tânis tem a habilidade de misturar efeitos de magias de fogo às outra magias. No que se refere as regras, o custo em karma também seria mais caro.

Solução 2: Um druida de Tanis teria que comprar obrigatóriamente magias (seja sacerdote ou de mago) relativo a fogo. Tem a desvantagem da obrigatoriedade, mas a vantagem de não ficar preso à uma ordem ou colégio.

.....
#10 zetagmar Enviado : 29/05/16 00:49
O uso do Druida pode ser uma resposta ao problema. Eles administrariam o culto e ainda seriam magos.
Criando assim uma nova profissão.
O que ainda é a questão de muitos é se dentro da ambientação é aberto a existência de outras divindades, como os titãs e etc.
Tanis é um precedente interessante. Existe um culto a ela, é considerada uma deusa.
Como é que se explica isso?

Para mim a coisa fica descomplicada quando procuramos a seguinte explicação.
Os magos tem feito uso de magia, um poder que é obtido de forma indireta. Quando obtido de forma direta, entidade lhe concede, passa a ser um sacerdote.
Quando os demônios concederam poder aos Bankdis estes seriam sacerdotes dos demônios, correto?
O que se pode fazer é que somente os sacerdotes dos deuses tem a capacidade de cura.
Outros sacerdotes que fossem dos Titãs, etc. poderiam fazer uso de magias como os magos, mas teriam poderes concedidos pela entidade. e assim como os sacerdotes dos deuses, e como estes teriam que estar sujeito aos desígnios desta entidade.
#11 Azurius Enviado : 29/05/16 08:59
Magia é magia. Se não levar pro lado do sacerdócio. O cara pode até curar sem ter q explicar que o poder é da entidade.
Outra coisa, poderia dizer que pelo fato de curarem eles se sentem como sacerdotes.
Acho que aí finda o problema.
Usuários visualizando este tópico
Guest
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET
LGPD (Lei Geral de Proteção a Dados): o site do Tagmar usa a tecnologia de cookies para seu sistema interno de login e para gerar estatísticas de acesso. O Tagmar respeita a privacidade de cada um e nenhuma informação pessoal é armazenada nos cookies. Ao continuar a navegar pelo site você estará concordando com o uso de cookies.