Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

Responder...
Confraria dos Raros Opções
#1 samuel.azevedo Enviado : 13/04/14 22:50
Esta discussão foi criada para discutir o seguinte verbete da TagmarPedia:

Confraria dos Raros

Acessem o verbete pelo link acima. Critiquem, dêem sugestões.

OBS: Façam apenas sugestões e críticas que conduzam a uma melhoria do texto.

Precisa de 1 magia, alguma sugestão?
#2 Ares Enviado : 13/04/14 23:45
Seria um bardo focado no charme próprio? Deixando de lado o local de apoio aos aos aliados através de magias?
#3 samuel.azevedo Enviado : 14/04/14 00:20
Isso mesmo, primeiro eu pensei no nome Confraria dos Charmosos, mas o nome ficava meio estranho, então procurei outro nome até que resolvi homenagear o teatro mágico (quem conhece sabe quem são os raros).
#4 samuel.azevedo Enviado : 15/04/14 11:58
Alterei o texto, para o formato da descrição de confrarias. Acho que agora vocês vão ter uma noção melhor da ideia por trás dessa especialização.
#5 samuel.azevedo Enviado : 16/04/14 14:30
Acho que o nome desta confraria ainda não está legal. Qual nome ficaria melhor?
#6 Ares Enviado : 16/04/14 14:43
Dos Príncipes?
Dos Belos?
Dos Charmosos?
Dos Galantes?
#7 Metaldog564 Enviado : 16/04/14 15:35
Ares escreveu:
Dos Príncipes?
Dos Belos?
Dos Charmosos?
Dos Galantes?


Dos Garbosos?Eh?
Dos Cativantes?Eh?
Dos SensuaisDancing
#8 samuel.azevedo Enviado : 17/04/14 18:34
Mais algum nome?


Sugiro a gente votar nas opções:

a) Confraria dos Charmosos
b) Confraria dos Galantes
c) Confraria dos Sensuais
d) Confraria dos Encantadores
#9 Ares Enviado : 17/04/14 18:50
Que tal: Dos Encantados?
#10 Alisson Enviado : 04/07/15 10:10
O estilo da confraria é MUITO bom, acho que faltando uma assim. Com relação ao nome poderia ser um sinonimo de perfeccionista?
Ou então tenho alguns nomes: acurados; impecáveis; meticulosos; graciosos.
AVDACES FORTVNA IVVAT
#11 samuel.azevedo Enviado : 04/07/15 10:21
Gostei mais de Encantadores e Perfeccionistas, acho que vai ficar um dos dois nomes.
#12 Alisson Enviado : 04/07/15 11:33
Entre esses dois nomes, a julgar que a maioria é devoto de Lena, Perfeccionistas cai melhor. Mas na minha opinião, poderia ser uma palavra mais simples. E também eles não são apenas perfeccionistas né. São egocêntricos também.
AVDACES FORTVNA IVVAT
#13 samuel.azevedo Enviado : 05/07/15 07:34
Bom, que tal então o termo "Protagonistas" ou "Vaidosos"?

E aí, pessoal? Por favor ajudem a escolher o nome desta confraria! Votem em:
Opção 1 - Encantadores;
Opção 2 - Protagonistas;
Opção 3 - Vaidosos.
#14 Alisson Enviado : 05/07/15 10:29
Tava olhando alguns sinônimos para Protagonista, achei que Audazes ficaria legal. O que vocês acham?
AVDACES FORTVNA IVVAT
#15 saulocr Enviado : 05/07/15 11:47
É legal a história e ou a meu ver, o modo de interpretar um bardo atípico mais afeito a desafios ou melhor dizendo, ao combate o que ACREDITO que NÃO seja o PAPEL do BARDO. O que não deixa de ser uma forma de interpretação.

Além disso, eu notei certas características semelhantes a confraria dos arautos, como por exemplo, o trabalho deles junto a nobreza, o jogo de manipulação na corte, a vaidade, outras características semelhantes a confraria dos artistas, como as competições artísticas ou de dança, ou a arte no sentido mais físico como as competições de equitação, por fim tem os traços da confraria dos eruditos com esse teste de debate.

Ou seja você fez tipo o super sayadin dos bardos. Você pegou algumas das características das três confrarias, e juntou um pouco de combate e criou um modelo único de bardo.

Mas minha questão é, tem a necessidade dessa confraria? Não seria apenas uma questão de interpretação, do próprio personagem? Como disse anteriormente, essa confraria de fato cabe a dentro do que se espera de um bardo?

Vejo muita gente dizendo que bardo é ruim. Será mesmo a profissão? Não seria o jogador que não atua na área onde ele pode ser útil? Ou então culpa do Mestre que não coloca desafios para que o bardo desfrute de suas habilidades?

Enfim, o texto tem partes utilizáveis, mas na minha opinião, ou melhor se servir de sugestão, existem o livro das ordens sacerdotais, o livro dos colégios, então se querem tanto trabalhar em algo mais produtivo e que acredito que ainda falta, não seria o caso de se abrir uma tarefa pra dar profundidade aos bardos de modo geral, e iniciar o livro das confrarias?

Nota: Acredito que a mesma ideia pode ser usada para criar o livro das trilhas ao invés de ficar elaborando subtipos de trilhas, que pra mim nada mais é que uma trilha que já existe, mas com uma interpretação diferente.
#16 Alisson Enviado : 05/07/15 12:55
Saulo, também notei essas carcterísticas parecidas, mas ao meu ver isso sempre vai existir; pois, o bardo mesmo antes de entrar em uma confraria ele já é um artista, e mesmo que se torne um erudito ele não deixará de ser um artista. Agora, é como você falou o bardo pode ter pinta de herói é só uma questão de interpretação, não necessariamente por causa de uma confraria.
AVDACES FORTVNA IVVAT
#17 Ares Enviado : 05/07/15 16:07
saulocr escreveu:
É legal a história e ou a meu ver, o modo de interpretar um bardo atípico mais afeito a desafios ou melhor dizendo, ao combate o que ACREDITO que NÃO seja o PAPEL do BARDO. O que não deixa de ser uma forma de interpretação.


- Esta especialização não altera as estatísticas básicas do bardo, números de pontos ganhos e nem nada do tipo.

- Só apresenta um conjunto de magias diferente das demais, sendo a Dança das Espadas a única focada no combate do bardo contra alguém.

- Além disto é simplesmente interpretação e ambientação, como TODAS as especializações.

Citação:
Além disso, eu notei certas características semelhantes a confraria dos arautos, como por exemplo, o trabalho deles junto a nobreza, o jogo de manipulação na corte, a vaidade, outras características semelhantes a confraria dos artistas, como as competições artísticas ou de dança, ou a arte no sentido mais físico como as competições de equitação, por fim tem os traços da confraria dos eruditos com esse teste de debate.


- Todos são bardos afinal de contas e todas estas caracteristicas estão de certa formas atreladas umas as outras.

Citação:
Ou seja você fez tipo o super sayadin dos bardos. Você pegou algumas das características das três confrarias, e juntou um pouco de combate e criou um modelo único de bardo.


- Caso o resultado diverge o suficiente das outras especializações e esteja equilibrado, me parece um método bom o suficiente para se criar uma especialização extra-oficial.

Citação:
Mas minha questão é, tem a necessidade dessa confraria? Não seria apenas uma questão de interpretação, do próprio personagem? Como disse anteriormente, essa confraria de fato cabe a dentro do que se espera de um bardo?


- Existe necessidade das outras confrarias? Ou melhor, revertendo a pergunta, a existência desta confraria causaria algum mal?

Citação:
Vejo muita gente dizendo que bardo é ruim. Será mesmo a profissão? Não seria o jogador que não atua na área onde ele pode ser útil? Ou então culpa do Mestre que não coloca desafios para que o bardo desfrute de suas habilidades?


- O bardo estar ou não equilibrado com o resto da profissões não faz diferença. Mesmo que a profissão bardo esteja equilibrada, nada impede que novas especializações sejam criadas pela diversidade.

Citação:
Enfim, o texto tem partes utilizáveis, mas na minha opinião, ou melhor se servir de sugestão, existem o livro das ordens sacerdotais, o livro dos colégios, então se querem tanto trabalhar em algo mais produtivo e que acredito que ainda falta, não seria o caso de se abrir uma tarefa pra dar profundidade aos bardos de modo geral, e iniciar o livro das confrarias?


- Eu concordo sobre a existência de livros falando mais sobre cada profissão e suas especializações, acredito inclusive que a criação deste livro seja o momento propicio para serem adicionarem oficialmente novas especializações.

- Inclusive a ficha modelo que se repete em todas estas especializações criadas possui origem num texto criado pelo João sobre a profissão Bardo: http://www.tagmar.com.br...%20para%20discuss%C3%A3o
#18 saulocr Enviado : 06/07/15 09:13
Ares escreveu:

Citação:
- Esta especialização não altera as estatísticas básicas do bardo, números de pontos ganhos e nem nada do tipo.

- Só apresenta um conjunto de magias diferente das demais, sendo a Dança das Espadas a única focada no combate do bardo contra alguém.

- Além disto é simplesmente interpretação e ambientação, como TODAS as especializações.


Acredito que você não entendeu bem o que eu quis dizer. Eu entendi que esse é um bardo mais voltado para "Ação", a questão é: Esse é o papel do Bardo? É uma classe criada para ser combativa?

Citação:
Todos são bardos afinal de contas e todas estas caracteristicas estão de certa formas atreladas umas as outras.


Se você leu sobre as confrarias no livro de regras, verá que em algumas especializações algumas características são mais latentes. É tanto que aqueles bardos voltados para o entretenimento e artes em geral, viram artistas, aqueles mais voltados a intrigas viram Arautos, e aqueles voltados ao estudo e conhecimento em geral viram Eruditos.

Citação:
Caso o resultado diverge o suficiente das outras especializações e esteja equilibrado, me parece um método bom o suficiente para se criar uma especialização extra-oficial.


Lendo o texto o resultado final é diferente das outras confrarias? Como citei anteriormente, o texto pega as melhores características de outras confrarias e criam o super bardo, mais voltado ao combate. Quanto ao equilíbrio: Charme (aumenta o carisma), Vigor (aumenta o físico), Dança das Espadas (Jedi), Graciosidade (quebra as pernas do ladrão), Apresentação Hipnotica (hipnotiza), Estourage (melhor que amizade), Poder da Admiração (de causar inveja a qualquer artista), ainda falta uma, acredito que será bem fodinha. Eu não vejo equilíbrio, você vê?

Citação:
Existe necessidade das outras confrarias? Ou melhor, revertendo a pergunta, a existência desta confraria causaria algum mal?


Tornariam as outras confrarias obsoletas. Digamos que a cada 10 jogadores, 1 jogue com bardo (estou sendo bom com as estatísticas), acha mesmo que o cara vai escolher as outras três?

Citação:
O bardo estar ou não equilibrado com o resto da profissões não faz diferença. Mesmo que a profissão bardo esteja equilibrada, nada impede que novas especializações sejam criadas pela diversidade.


Não sou contra a criação de especializações. Mas as existentes cobrem uma gama enorme de possibilidades, o que estão propondo agora não foge muito do que já existe, mudando um ou outro detalhe.

Mais é minha opinião.
#19 samuel.azevedo Enviado : 06/07/15 09:36
Oi Saulo,

Quanto a questão do equilíbrio e de não deixar outras profissões e especializações obsoletas concordo com você, inclusive não se pode criar algo que deixe outra coisa obsoleta. Então creio que essas magias deverão ter seus efeitos piorados ou substituídas. Ou sugiro que se elas ficaram boas, que vão para as especializações que mais se adequem.

Continuando...

Citação:
Acredito que você não entendeu bem o que eu quis dizer. Eu entendi que esse é um bardo mais voltado para "Ação", a questão é: Esse é o papel do Bardo? É uma classe criada para ser combativa?


Bom, o bardo não é uma classe criada para ser tão combativa, e sim mais interpretativa. Entretanto, se você olhar para as especializações de outras profissões, verá que cada uma tem uma especialização mais combativa que as outras, assim como cada uma tende a ter uma especialização para criação de itens, assim como cada uma tende a ter uma especialização para os intelectuais de sua profissão, e assim por diante. Entende onde quero chegar?

Abraços e muito obrigado pela participação e pelas colocações bem argumentadas.
#20 Alisson Enviado : 06/07/15 09:54
samuel.azevedo escreveu:
Bom, que tal então o termo "Protagonistas" ou "Vaidosos"?

E aí, pessoal? Por favor ajudem a escolher o nome desta confraria! Votem em:
Opção 1 - Encantadores;
Opção 2 - Protagonistas;
Opção 3 - Vaidosos.

Samuel, que tal votar nessas opções:

Opção 1 - Encantadores;
Opção 2 - Audazes;
Opção 3 - Vaidosos.
AVDACES FORTVNA IVVAT
#21 Ares Enviado : 06/07/15 16:32
Agora acho que entendi melhor, as vezes sou um pouco reativo demais, nada pessoal d'oh!

Eu acho que a criação de algo na Tagmarpedia é algo coletivo, então quando alguém posta um texto aqui, esta esperando sugestões que o tornem melhor e no caso das especializações, mudanças que criem algo único. Eu pelo menos aprecio muito sugestões de melhorias, eu realmente amo criar coisas coletivamente.

Então os três pontos principal que eu consegui identificar:

O bardo pode ser combativo?
-Caso seja através de magias e com isto fique diferente dos demais, não vejo porque não.

As magias precisam ser equilibradas/modificadas!
-Concordo, só propor modificações ou magias para substituir as outras.

A confraria precisa se distanciar mais das outras!
-Faça sugestões Feliz , o que acha que deve ser retirado, adicionado ou modificado.
#22 samuel.azevedo Enviado : 06/07/15 18:01
Alisson escreveu:
samuel.azevedo escreveu:
Bom, que tal então o termo "Protagonistas" ou "Vaidosos"?

E aí, pessoal? Por favor ajudem a escolher o nome desta confraria! Votem em:
Opção 1 - Encantadores;
Opção 2 - Protagonistas;
Opção 3 - Vaidosos.

Samuel, que tal votar nessas opções:

Opção 1 - Encantadores;
Opção 2 - Audazes;
Opção 3 - Vaidosos.



Ok, eu voto em Encantadores.
#23 samuel.azevedo Enviado : 06/07/15 18:03
Ares escreveu:
Agora acho que entendi melhor, as vezes sou um pouco reativo demais, nada pessoal d'oh!

Eu acho que a criação de algo na Tagmarpedia é algo coletivo, então quando alguém posta um texto aqui, esta esperando sugestões que o tornem melhor e no caso das especializações, mudanças que criem algo único. Eu pelo menos aprecio muito sugestões de melhorias, eu realmente amo criar coisas coletivamente.

Então os três pontos principal que eu consegui identificar:

O bardo pode ser combativo?
-Caso seja através de magias e com isto fique diferente dos demais, não vejo porque não.

As magias precisam ser equilibradas/modificadas!
-Concordo, só propor modificações ou magias para substituir as outras.

A confraria precisa se distanciar mais das outras!
-Faça sugestões Feliz , o que acha que deve ser retirado, adicionado ou modificado.



Ares, quanto a sua pergunta, penso o seguinte:

O bardo pode ser combativo, mas não pode ser tão bom no combate com magias quanto magos. Na minha opinião, o papel principal do bardo são as interações sociais, e o restante ele pode saber um pouco de tudo sem ser excepcional em nada além das interações sociais.
#24 Alisson Enviado : 07/07/15 00:13
Na minha opinião, as magias de bardos poderiam estar dispostas da seguinte forma 30% das magias seriam de suporte e os outros 70% seriam de interação, mas o bardo deveria ter 1 magia de ataque em cada lista. Os bardos são especializados em persuadir as pessoas então suas magias devem estar voltadas para isso, ele vai precisar de pelo menos 1 magia de combate caso precise pegar nas armas né?
Voto no nome Confraria dos Audazes. Achei que se encaixa muito bem na descrição do texto.
AVDACES FORTVNA IVVAT
Usuários visualizando este tópico
Guest
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET
LGPD (Lei Geral de Proteção a Dados): o site do Tagmar usa a tecnologia de cookies para seu sistema interno de login e para gerar estatísticas de acesso. O Tagmar respeita a privacidade de cada um e nenhuma informação pessoal é armazenada nos cookies. Ao continuar a navegar pelo site você estará concordando com o uso de cookies.