Aura Divina (revisão) - [Magias] Em Oficialização - Tagmar
Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

Responder...
Aura Divina (revisão) Opções
#1 Marcelo_Rodrigues Enviado : 16/10/20 08:09
Este tópico visa a revisar as inconsistências da magia Aura Divina:

1) Fala de área mas não existe
2) fala de companheiros, mas é individual.

vejam trechos marcados no texto abaixo:

Com este milagre, o sacerdote de Cruine cria ao seu redor uma aura que incomoda demônios e mortos-vivos. Para essas criaturas a aura repele sua proximidade, dificultando atacar o sacerdote e seus companheiros que estejam na área protegida. Na prática, qualquer demônio ou morto-vivo que atacar terá seus ataques penalizados, sem ter direito a resistência à magia, uma vez que a aura não ataca magicamente as criaturas e se constitui em uma espécie de empecilho ao ataque. Observe que mesmo ataques à distância, inclusive magias de ataque, recebem penalidade. Entretanto, para qualquer outro ser além dos mencionados, a aura não tem qualquer efeito e é invisível e, portanto, imperceptível para seres não-místicos. Apenas o sacerdote é protegido pela aura.


#2 Marcelo_Rodrigues Enviado : 16/10/20 08:11
Magia revisada no verbete, confiram!
#3 rodolfo Enviado : 22/10/20 22:20
Parece tudo ok
Usuários visualizando este tópico
Guest
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET
LGPD (Lei Geral de Proteção a Dados): o site do Tagmar usa a tecnologia de cookies para seu sistema interno de login e para gerar estatísticas de acesso. O Tagmar respeita a privacidade de cada um e nenhuma informação pessoal é armazenada nos cookies. Ao continuar a navegar pelo site você estará concordando com o uso de cookies.