Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

2 Páginas <12
Capítulo 06b - A Balada de Gelo e Fogo Opções
#31 Red Enviado : 07/11/17 19:54
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Lançamento 1d20=15
Leonardus: puta merda!!!

Ao perceber que está na boca do Dragão ele ativa a gigacida fica do 3x maior e 10x mais pesado, tentando evitar ser engolido pelo Dragão. Suas espadas também crescem e com elas ele força a boca do Dragão para abrir, caso o Dragão tende engolir o Rei Leão ele abre suas perna tentando ficar preso na garganta... E goleia a goela do Dragão por dentro.

[1d20][Escapar 6]

Off: o peso de Red e Leonardus na cabeça do dragão a levaria ao chão?
#32 samuel.azevedo Enviado : 08/11/17 16:10
#33 samuel.azevedo Enviado : 08/11/17 17:08
iniciativas: Aliados 5, Red e Ferrão 4, Vingador 2.
3a Rodada
Fryda, relâmpago 6 (coluna 6+3-p5=4), rolamento 12, laranja, 50% de dano.
Ka'tya, Transformação de Licantropo 1, rolamento 18, vermelho, muito difícil.
Na'tasha, ataque com lança leve de luz 4 (P3-P5+5 canção+1 arma mágica), rolamento 20, cinza, crítico, rolamento 16, vermelho: 75%. Perfura o músculo do braço e inutiliza o
mesmo por 2 dias.
Ygritte, ataque com arco Aurora da Geleira 18 (P5-P5+6 arma mágica+3 bênção+9 mira), rolamento 3, amarelo, 25% de dano.

Frida evoca mais relâmpagos, fazendo o dragão manobrar para perto do solo para se esquivar deles.

- Solte ele, ou vou arrancar seu coração! - Grita Ka'tya, que concentrava sua raiva em seu corpo fazendo surgir de suas costas um par de asas com penas brancas.

- Solto nosso homem! - Brada Na'tasha avançando com Asanegra e empunhando a lança de luz, que finca em na asa direita do dragão que começa a cair.

- Leonardus é meu marido! - Esbraveja Ygritte, que se desconcentra um pouco e solta a flecha um milésimo de segundo antes do tempo, e quase acerta o couro do dragão.

Na boca do dragão, Leonardus ativa o poder de Gigacida e fica maior que a boca da criatura. O maxilar do dragão morto-vivo se rompe, e Leonardus flutua enquanto o dragão se esborracha no chão. Ele ainda faz um gracejo com as mulheres:

- Então, queridas, valentes e belas mulheres, sentiram minha falta ou acharam que iam se livrar de mim? Meu medo era nunca mais ver as mães de meus filhos!

Red começava a soltar sua armadura. Então ela vê o dragão se esborrachando no chão.

//off: não dá para soltar a armadura, comer o bolinho, crescer, e usar a magia bote e atacar na mesma rodada. Decida se desiste de soltar a armadura, diante da cena, e faz outra ação, ou se apenas solta sua armadura nesta rodada, depois defina sua ação da próxima rodada.

Asanegra, EF 51, EH 56, L5.
Ferrão, EF 54, EH 104, M2.
Fryda, EF 80, EH 65-36=25, P3, Karma 19-6=13.
Ka'tya, EF 14, EH 35, L2, Karma 18.
Leonardus, EF 34*3=102, EH 12, M6.
Na'tasha, EF 21, EH 56+5=61, M3.
Ygritte, EF 17, EH 60-36=24, L3.

Vingador Mordida do Inverno, EF 178-16=162, EH 69-16-12=41, P5.

Bênção 5 (+3 no ataque) p/ Leonardus, Ygritte e Red até a 11a rodada.
Canção do Ânimo 6 p/ Na'tasha (+5 na EH e +5 nos ataques até a 22a rodada).
Transformação de Licantropo Meia-transforção- Ka'tya +2 em agilidade, +2 em força e asas!
samuel.azevedo anexadas as seguintes imagens:
batalha de red x mordida do inverno 03.jpg
#34 Red Enviado : 08/11/17 18:19
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Lançamento 5d20=13,6,14,8,16
Citação:
Red começava a soltar sua armadura. Então ela vê o dragão se esborrachando no chão.


Diante do que vejo cancelo o que estava planejando, digo para o Ferrão: vamos atacar!!!

Ataco o Dragão junto ao Ferrão

Quando próximo a Leonardus digo: Quero ver como será o banquete de comemoração hoje com essas três na mesa... Kakaka

Digo a todos: Lembrando que será como os outros vingadores... O último ataque será meu...

Ataco o Dragão junto ao Ferrão

caso consiga cortar o Dragão com a Benção de Tânis observo se tem alguma reação extra além da ferida, estou cortando um Dragão de gelo morto-vivo com uma montante com fogo abençoada por Tânis.

//off: 2 ataques de Red, 2 do Ferrão e Observar 11 caso corte o Dragão.
#35 samuel.azevedo Enviado : 08/11/17 19:29
ataques + críticos + magias + etc, primeiro dos aliados, depois do dragão.
#36 samuel.azevedo Enviado : 08/11/17 19:47
3a Rodada (continuação)
Red, ataque com bênção de Tanis 32 (P18-P5+5 arma mágica+3 bênção+11 ataque oportuno) = coluna 12 + 50% de dano, rolamento 13, vermelho, 75%+50%=125% de dano.
Ferrão, ataque de coice 0 (P5-P5), rolamento 6, branco, erro.


O dragão sofre mais da dor da quebra do maxilar do que com o impacto da queda, e Red se aproveita de sua vulnerabilidade da melhor forma possível, ela brande a montante e a espada faz vapor ao riscar o couro do inimigo, que rola no chão esquivando-se do golpe. Ferrão continua sem achar uma oportunidade para dar um coice no inimigo combinando com o ataque de Red.



Asanegra, EF 51, EH 56, L5.
Ferrão, EF 54, EH 104, M2.
Fryda, EF 80, EH 65-36=25, P3, Karma 13.
Ka'tya, EF 14, EH 35, L2, Karma 18.
Leonardus, EF 102, EH 12, M6.
Na'tasha, EF 21, EH 61, M3.
Ygritte, EF 17, EH 24, L3.

Vingador Mordida do Inverno, EF 162-20=142, EH 41-40=1, P5.

Bênção 5 (+3 no ataque) p/ Leonardus, Ygritte e Red até a 11a rodada.
Canção do Ânimo 6 p/ Na'tasha (+5 na EH e +5 nos ataques até a 22a rodada).
Transformação de Licantropo Meia-transforção- Ka'tya +2 em agilidade, +2 em força e asas!
#37 samuel.azevedo Enviado : 08/11/17 21:25
[1d20] último crítico
#38 samuel.azevedo Enviado : 08/11/17 21:29
iniciativas: Aliados 5, Red e Ferrão 4, Vingador 2.
4a Rodada
Fryda, ataque com machado crescente 3 (P1-P5+1 arma consagrada+6 ataque oportuno), rolamento 18, azul, 100% de dano.
Ka'tya, ataque com cimitarra de luz 2 (P1-P5+1 arma mágica+3 ataque oportuno+2 transformação), rolamento 18, azul, 100% de dano.
Na'tasha, ataque com lança leve de luz 7 (P3-P5+5 canção+1 arma mágica+3 ataque oportuno), rolamento 6, amarelo, 25% de dano.
Ygritte, ataque com arco Aurora da Geleira 18 (P5-P5+6 arma mágica+3 bênção+6 ataque oportuno), rolamento 8, laranja, 50% de dano.
Leonardus, Ambidestria 9.
Leonardus, ataque com espadas gêmeas 18 (P11-P5+1 arma mágica+3 bênção+8 ataque oportuno), rolamento 1, verde, falha crítica, rolamento 19, azul escuro: Descontrole dá um ajuste de – 3 nas próximas duas rodadas.
Leonardus, ataque com espadas gêmeas 18 (P11-P5+1 arma mágica+3 bênção+8 ataque oportuno), rolamento 8, laranja, 50%-25%=25% de dano.
Red, ataque com bênção de Tanis 32 (P18-P5+5 arma mágica+3 bênção+11 ataque oportuno) = coluna 12 + 50% de dano, rolamento 14, vermelho, 75%+50%=125% de dano.
Ferrão, ataque de coice 1 (P5-P5+1 oponente caído), rolamento 8, branco, erro.
Mordida do Inverno, ataque de garras 20 (P26-P6), rolamento 20, cinza, crítico, rolamento 19, azul escuro.

Vendo o inimigo no chão, Fryda avança contra ele segurando um machado crescente.

- Por Crezir! - grita, enquanto brandia a arma e o golpeia.

O dragão tenta bloquear o ataque, e a arma se choca com suas escamas produzindo faíscas.
Ka'tya avança voando com uma cimitarra e acerta o dragão abrindo algumas de suas escamas. Na'tasha desce com Asanegra, e torce a lança na base da asa do dragão, a puxando junto com sangue. Ygritte dispara uma flecha coberta de energia com seu arco mágico, e acerta no corpo do monstro. Então Leonardus vem correndo no ar e rodopia com as duas espadas, uma delas abre um corte na couraça do monstro mas ele fica tonto. Red também abre um grande talho no corpo do dragão perto do pescoço, e fazendo o ar frio se condensar e evaporar.

O dragão emite um som gutural de sua garganta, com o maxilar pendurado bizarramente. Sem poder morder o oponente, e com a ideia fixa de vingança, ele ignora os outros combatentes e faz um último gesto com sua garra esquerda derrubando Leonardus no chão e colocando todo o peso que podia sobre a garra. Mesmo em tamanho 3 x maior o rei Leão I não resiste ao peso de toneladas do dragão e tem seus pulmões estourados.

Por um momento, tudo parece ficar em silêncio. Com mais um alvo de sua vingança morto, o dragão negro vira a cabeça em direção a Red.


Asanegra, EF 51, EH 56, L5.
Ferrão, EF 54, EH 104, M2.
Fryda, EF 80, EH 65-36=25, P3, Karma 13.
Ka'tya, EF 14, EH 35, L2, Karma 18.
Leonardus, EF 102, EH 12, M6. BUMMM
Na'tasha, EF 21, EH 61, M3.
Ygritte, EF 17, EH 24, L3.

Vingador Mordida do Inverno, EF 142-22-7-18-15-40=40, EH 1-22=0 (não desce abaixo de 0), P5.

Bênção 5 (+3 no ataque) p/ Leonardus, Ygritte e Red até a 11a rodada.
Canção do Ânimo 6 p/ Na'tasha (+5 na EH e +5 nos ataques até a 22a rodada).
Transformação de Licantropo Meia-transforção- Ka'tya +2 em agilidade, +2 em força e asas!
samuel.azevedo anexadas as seguintes imagens:
batalha de red x mordida do inverno 04.jpg
#39 Red Enviado : 09/11/17 19:07
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Lançamento 2d20=12,16
Não acredito no que acontece... Encara Mordida do inverno com Ódio em meus olhos, avanço com Ferrão contra o oponente. Segurando a montante com força - Me de força Tânis. Para queimar nossos inimigos!!! - grito enquanto levanto a montante em chamas para atacar mordida do inverno.

//Off: ataque Red e Ferrão.
#40 samuel.azevedo Enviado : 10/11/17 11:27
se necessário
#41 samuel.azevedo Enviado : 10/11/17 11:46
iniciativas: Aliados 5, Red e Ferrão 4, Vingador 2.
5a Rodada
Fryda, ataque com machado crescente 3 (P1-P5+1 arma consagrada+6 ataque oportuno), rolamento 17, vermelho, 75% de dano.
Ka'tya, ataque com cimitarra de luz 2 (P1-P5+1 arma mágica+3 ataque oportuno+2 transformação), rolamento 20, cinza, crítico, rolamento 19, azul: 100% Corte no músculo do braço inutiliza o mesmo por uma semana.
Na'tasha, ataque com lança leve de luz 7 (P3-P5+5 canção+1 arma mágica+3 ataque oportuno), rolamento 5, branco, erro.
Ygritte, ataque com arco Aurora da Geleira 18 (P5-P5+6 arma mágica+3 bênção+6 ataque oportuno), rolamento 3, amarelo, 25% de dano.
Red, ataque com bênção de Tanis 32 (P18-P5+5 arma mágica+3 bênção+11 ataque oportuno) = coluna 12 + 50% de dano, rolamento 12, vermelho, 75%+50%=125% de dano.

- Por Crezir, não!

Fryda avança contra a pata do dragão que prendia o chefe das tribos e faz um corte grande nela, e Ka'tya, sobrevoando perto do chão, faz um corte profundo no lado inverso do membro do dragão. A pata do dragão fica pendurada e ele recua de cima de Leonardus. O corpo parece suspirar de alívio por uma fração de segundo. Na'tasha se atrapalha com a situação e suas companheiras, e não consegue acertar. Ygritte atira uma flecha dotada de energia do arco mágico e corre até o corpo de Leonardus. O dragão morto-vivo agonizava, mas parecia satisfeito por conseguir mais um passo de sua vingança.

Então Red galopa com Ferrão até o vingador, e ela crava a montante dádiva de Tânis em seu peito. A arma incendeia o corpo do dragão morto-vivo ao mesmo tempo que dissipa as nuvens de inverno que ele trazia consigo, ao mesmo tempo que energia corre do corpo dele para a rastreadora através da espada.

Fryda solta o machado e tenta socorrer Leonardus.

//role 1d20 para Fryda fazer um teste de Medicina 5, dificuldade Muito Difícil para fazer algum cuidado médico em Leonardus de forma que ele ainda tenha um fio de vida para receber algum milagre para curá-lo (ela não tem acesso ao milagre da ressurreição).

Asanegra, EF 51, EH 56, L5.
Ferrão, EF 54, EH 104, M2.
Fryda, EF 80, EH 65-36=25, P3, Karma 13.
Ka'tya, EF 14, EH 35, L2, Karma 18.
Leonardus, EF 102-Crítico, EH 12, M6. Esmagado? Morto?
Na'tasha, EF 21, EH 61, M3.
Ygritte, EF 17, EH 24, L3.

Vingador Mordida do Inverno, EF 40-18-20-10=-8-29=-37, EH 0, P5.

Bênção 5 (+3 no ataque) p/ Leonardus, Ygritte e Red até a 11a rodada.
Canção do Ânimo 6 p/ Na'tasha (+5 na EH e +5 nos ataques até a 22a rodada).
Transformação de Licantropo Meia-transforção- Ka'tya +2 em agilidade, +2 em força e asas!
#42 samuel.azevedo Enviado : 10/11/17 12:23
Enquanto olhava para tudo a sua volta ao mesmo tempo estarrecida e triunfante, Red sente novas runas se queimando em sua pele:

Cruíne, Palier, Lena e Gânis; Blator, Crezir, Plandis e Maira.

Ao sentir a runa Cruíne, Red sente que sua vida foi prolongada para mil anos. Ao sentir a runa de Palier, os segredos do misticismo se tornam mais fáceis para ela (+1 nível em resultados de Misticismo). Ao receber a runa de Lena, uma surpresa, Red ganhou a capacidade de engravidar outras mulheres e de ser engravidada por elas, já que é o que ela gosta (mas ela não virou homem, é uma espécie de magnetismo nos óvulos dela, que atraem ou são atraídos pelos de outras mulheres - vai variar, e podem se fundir aos óvulos de das outras). De Gânis ela recebeu resistência ao frio (absorve 25% de dano por frio). De Blator, a capacidade de se aprimorar em uma técnica de combate (veja novas regras do Tagmar 3). E de Crezir, a capacidade de aprender a técnica Fúria (custo 2, e um nível na técnica). De Plandis, a sorte (pode rolar um dado novamente sem penalidades, uma vez por semana no PBF). E de Maira, o poder da Aeromanipulação 1 (e pode aprender outros níveis com custo 2)!

Todas as runas se deslocam em sua pele, e ficam como um colar de tatuagens, com a Runa de Tânis no centro. De repente seu corpo se transforma em luz e ela sente que seu espírito de ursa está se transformando.

//off: neste momento Fryda já disse se Leonardus está vivo ou morto.

Ela tem uma visão, está novamente diante de Tânis.



- Bem vinda de novo, minha filha. Parabéns, estou muito orgulhosa de você! Você ganhou o jogo dos deuses! Como prometido, escolha alguém para trazer de novo a vida. Caso o corpo ainda exista, a pessoa ressuscitará imediatamente. Mas cuidado com sua escolha, se a pessoa não tiver mais corpo, terá que renascer de teu ventre! Isto mesmo, você engravidará e a pessoa reencarnará nesta criança. Aos poucos, a pessoa escolhida lembrará de sua vida passada.
#43 Red Enviado : 10/11/17 17:23
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Lançamento 1d20=17
Citação:
//role 1d20 para Fryda fazer um teste de Medicina 5, dificuldade Muito Difícil para fazer algum cuidado médico em Leonardus de forma que ele ainda tenha um fio de vida para receber algum milagre para curá-lo (ela não tem acesso ao milagre da ressurreição).


[1d20]
#44 Red Enviado : 11/11/17 00:37
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Quando vejo Tânis novamente abro um sorriso, escuto com atenção tudo o que ela fala, com a cabeça faço sinal de afirmativo.

- Obrigada Mãe... Quero eliminar os demônios e seus seguidores. Com sua benção gostaria de trazer de volta a vida o Sábio Maudi e juntos livrarmos o mundo dessas forças malignas. Para que não aconteça com mais ninguém o que eu, meus pais e amigos passamos...

Quando lembro dos amigos suspiro com sinais de tristeza -Durante essa jornada para completar o jogo dos Deuses acabo de perder um amigo, Leonardus, sem ele nunca teria conseguido sair do inferno e também seria muito difícil derrotar os dois últimos vingadores, principalmente o Dragão Mordida do Inverno. Não podemos fazer nada por ele?

Depois da resposta de Tânis contínuo: Sobre a Pégasus Asanegra, ela poderá voltar? Se não ficarei com ela, os poderes que ela perdeu podem ser recuperados?
#45 samuel.azevedo Enviado : 11/11/17 11:09
Fryda, Medicina 5, rolamento 17, vermelho, difícil. (Falha).

Antes da visão de Red, Fryda informa que infelizmente Leonardus falecera dos ferimentos e não havia nada que pudesse ser feito. As viúvas começam a chorar a sua perda, deixam de lado as diferenças e chegam a se abraçar em volta dele.

...

- A pégasos pecou ao se misturar com um ser inferior. Ela poderia ser perdoada, se não estivesse esperando uma cria mestiça. Sua punição será a vida no mundo dos mortais, aqueles poderes que foram dados apenas para a missão de montaria de um vingador, que já acabou.

Role persuasão Muito Difícil para ver se ela faz algo do que você pede.
#46 Red Enviado : 11/11/17 12:23
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Lançamento 1d20=15
#47 samuel.azevedo Enviado : 13/11/17 08:23
Red, Persuasão 1, rolamento 15, laranja, médio.

Tânis responde a Red:

- Maudi era apenas um mercenário que foi contratado para lutar contra os demonistas e se envolveu em algo maior. O Sábio era o conjunto de 4 almas no corpo dele: Maudi, o guerreiro mercenário; Aldrabar, o batedor arqueiro; Petas, o mago necromante; e Malim, o homem santo, último clérigo da adoração ancestral. Juntos, como um, liderou a resistência, venceu os demônios e posteriormente unificou reinos e idiomas. Ele foi tão reverenciado e adorado, que podia ser considerado um deus humano; e de fato, quando morreu ascendeu como uma divindade menor.

Uma figura humana envelhecida surge por trás da deusa, carregando um cajado e vestindo um manto cinza com uma estola cheia de runas brancas.



Ele abre a boca, e surge uma voz envelhecida, paternal e sábia:

- Criança, veja o que me tornei com minhas ações em poucos anos no mundo. Eu nunca busquei adoração, mas foi o que ganhei. Meu retorno ao mundo dos vivos poderia provocar as pessoas a voltarem a me adorar como no auge das coisas, e isto traria mais poder para mim e complicaria minha relação com o panteão, e provocar sem querer uma inimizade com os deuses que me acolheram em sua companhia. Desde que ascendi, tenho vivido entre a Biblioteca de Palier, os campos e jardins de Sevides e Maira, os labirintos de Plandis, e tantos outros locais dos reinos dos demais deuses.

Ele olha docemente nos olhos de Red e diz:

- Gosto de minha nova vida, você não precisa de mim. Há uma nova pessoa que fundiu ainda mais seres em um só. Procure a sábia Sagae Rilel. Ela costumava usar um anel de memórias, mas foi revivida pelos deuses fundida com as almas de quem ela acessava as memórias. Ela trás muito mais sabedoria do que eu consegui juntar em meu tempo, pois eu surgi de quatro almas, e ela de sete: O mago Atradis, o sábio; a barda Coralina, a erudita; o sacerdote Fírram Rilel, seu pai; a alma dela mesma; Lori Kaeron, a bruxa bárbara; o arqueiro Garet, seu amor eterno; e o Haalin, que a possuiu, um licantropo rastreador torturado pelos demônios até que se tornou um demônio das sombras - mas que foi purificado. O conhecimento que ela pode acessar é muito mais amplo, pois ela tem almas que dominaram os tipos básicos de magia: mago, sacerdote, bardo e rastreador. Eu fui a fusão de quatro almas humanas, ela, de almas de cinco raças diferentes: humano, elfo dourado, meio elfo, elfo florestal, e licantropo. Ela tem almas com a experiência em reinos e épocas diferentes, até mesmo em reinos infernais. Há um grande potencial nela, e você pode ajudá-la a usar este potencial. Ela ainda não entende o que aconteceu com ela, e sua memória de sua breve visita ao inferno e de sua morte foi reprimida por enquanto para que ela não enlouquecesse ao ser revivida.

Então a deusa diz:

- Está decidido! Trarei seu amigo Leonardus de volta e darei um dom para sua amiga pégasos não sofrer tanto. Mas o Sábio fica aqui.

Diante da fala dos deuses, Red se sentia imóvel e sua visão começa a ficar turva. De repente ela se vê de volta ao lugar do combate com o guardião. O corpo do inimigo já havia se desintegrado em cinzas que agora se espalhavam com o vento. A rastreadora abre a boca e um forte raio de luz brilha dela para Leonardus, cujo corpo já voltara ao tamanho normal. ele levita enquanto seu corpo é restaurado e então abre os olhos. Com muitas lágrimas, as mulheres ainda abraçadas se juntam a ele quando ele pousa no chão. Fryda olhava impressionada de Red para Leonardus. Então algo ainda mais impressionante acontece.

O corpo inteiro de Red começa a brilhar e a se expandir a medida que ela se transforma em um ser dracônico.

//off: escolha o tipo de dragão (fogo, gelo, ou um dos outros descrito no livro de criaturas) e se quiser poste uma figura de sua forma. Caso queira alterar o avatar de Red também pode ser o momento, pois a transformação e acomodação do novo totem poderá justificar uma nova aparência.
#48 samuel.azevedo Enviado : 13/11/17 19:20



O corpo de Red brilhava inteiramente, suas cicatrizes são regeneradas e seus cabelos ficam dourados como a luz que ela emitia.



De repente, seu corpo inteiro começa a doer enquanto chifres começam a crescer em sua cabeça, escamas a brotar em sua pele, e uma dor maior ainda quando algo começa a crescer em suas costas e se abre em forma de asas. Logo, ela se transforma em um ser meio-humano meio dragão, e por fim cresce e vira um dragão dourado.



Sua forma cresce um pouco mais, e ela se transforma nisto.



Leonardus, Fryda, Ka'tya, Na'tasha e Ygritte ficam olhando pasmos.
#49 Red Enviado : 13/11/17 21:48
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Olho para Leonardus, Fryda, Ka'tya, Na'tasha e Ygritte: - Sou eu, Red - me levanto e aproximo de Leonardos, Quase encostando as narinas em seu rosto. O cheiro e me afasto um pouco - Vejo que o Rei Leão Primeiro esta vivo novamente - Sento sobre as patas traseiras olho para Fryda - Acabo de completar o desafio dos Deuses, como recompensa me deram o totem de Dragão. Também tinha o oportunidade de ressuscitar qualquer pessoa... - Volto a olhar para leonardus - Escolhi você meu amigo, Aproveite essa segunda chance...- Olho para Ka'tya, Na'tasha e Ygritte uma de cada vez enquanto digo: - Vocês mulheres... Cuidem bem de seus filhos, serão grandes guerreiros, Lembram da visão de Leonardus na casa do medo????

Depois de conversar com os amigos digo: Agora vou testar essa forma de dragão... Feliz

Me afasto um pouco dos outros, bato as patas dianteiras no chão, tentando perceber com qual força consigo golpear, Balanço o rabo de um lado para outro, procuro um tronco ou pedra para bater-lo. Paro por alguns segundos, abro as asas e me preparo pra voar, começo a bater as asas até sair do chão, voando solto uma Baforada para o alto.

Vou para o Chão, próximo ao manto vermelho que a Fryda me deu. tiro do meu corpo uma pequena escama, volto a forma humana, coloco o manto recolho meus pertences e a escama dourada.



#50 samuel.azevedo Enviado : 14/11/17 15:31
Red consegue levantar voo na terceira tentativa. No começo um pouco desajeitada na nova forma, ela vai se acostumando com o novo corpo, e logo começa a fazer belas manobras no ar. Ela circula a torre, depois sobe ao zênite, e mergulha sobre os amigos os assustando. Ferrão e Asanegra a seguem no melhor que podem. A Pégasus também emitira um brilho dourado, e agora conseguia falar por ela mesma. Ela alcança um espaço ao lado da cabeça da dragão Red, e pergunta:

- Vejo que você falou com os deuses, pois algo mudou em mim e consigo falar. Mas eles não me aceitaram de volta?

- Já quer sair de perto de mim?- Pergunta Ferrão.

- Não me leve a mal, mas no outro dia foi puro instinto animal. Agora eu tenho consciência e nem sei direito quem sou, nem lhe conheço direito ainda.

Com a rajada de ar de seu voo, a torre volta a tremer. Ela desce e tenta segurar a torre para que ela não caia.

//off: role um teste fácil de força.
#51 Red Enviado : 14/11/17 15:41
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Lançamento 1d20=20
[1d20] teste de força.
#52 samuel.azevedo Enviado : 14/11/17 16:04
Sem dificuldade, em sua forma dracônica Red não só segura a torre, como a estabiliza no chão perfeitamente. As pessoas surgem nas janelas de diferentes andares e olham admiradas. Então Red se junta a seus amigos e volta a sua forma humana, mas algo estava diferente nela. As marcas das batalhas no inferno haviam cicatrizado, e seus cabelos agora não eram mais vermelhos, e sim dourados como as escamas de sua forma dracônica. Todos correm para perto de Red enquanto ela se cobria com o manto vermelho e perguntam o que houve. Logo as pessoas começam a sair da torre e se juntar ao grupo.

#53 Red Enviado : 14/11/17 20:59
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Citação:
- Vejo que você falou com os deuses, pois algo mudou em mim e consigo falar. Mas eles não me aceitaram de volta?

- Como prometido intervir por você perante Tânis, os Deuses permitiram que viva, porém não autorizaram a sua volta aos céus. Assumi a responsabilidade de cuidar de você, em recompensa te deram o dom da consciência, e de falar a língua dos homens. Tem mais, Tânis me revelou que você será mãe...
#54 Red Enviado : 14/11/17 21:08
Jogador: J34nsch
EF: 12
EH: 150
Karma: 12
Vendo os olhares das pessoas em minha volta e seus questionamentos, subo em um local mais alto. Quando todos se juntam ao meu redor começo a discursar:

- Passei a vida em reinos Infernais. Muitos demônios tentaram me matar, nem me lembro de todos os nomes. Fui vendida, fui acorrentada, fui traída, fui molestada. Sabe o que me manteve viva durante todos esses ano? A fé. Não em mitos ou lendas de heróis. Em mim mesma. Em Red Claws. Hoje emergi do inferno. Provei meu valor aos Deuses. Devolvi a vida ao seu rei Leonardus.

- O mundo não via um totem de dragão havia séculos, ou nunca o tenha visto. Assim renasci com um novo corpo, abençoado pelos Deuses -
exibo as runas dos Deuses - e com o poderoso totem de dragão. A mim foi profetizado por Tânis, serei mãe de dragões.

- Darei início a minha jornada, será uma caça aos demônios e seus seguidores os quais trazem tanta dor e sofrimento. Quem quiser me acompanhar não prometo se será fácil ou rápido, só prometo que extinguimos o mal desse mundo!!!!

#55 samuel.azevedo Enviado : 15/11/17 21:25
A esta altura, o povo da grande tribo rúbea se junta em volta de Red. Leonardus se ajoelha e todos o imitam, alguns com algum desconforto, pois além do chá estar gelado com a neve, não era um povo que costumava se ajoelhar a heróis ou reis. Então o Rei Leão I faz um discurso:

- Hoje devemos nossas vidas a Red Claws, que nos ajudou a sair do inferno, venceu o dragão vingador, me trouxe de volta da morte, e salvou o povo rúbeo que estava na torre que ia desabar. Como Rei da grande tribo rúbea, proclamo que em honra a esta dívida com ela iremos lutar até nos confins do inferno se ela assim quiser de nós!

E, erguendo suas espadas ao ar, ele brada:

- Morte aos demônios e demonistas!

Os rúbeos erguem suas armas e repetem o clamor. Organicamente, aquela cena se transforma em uma festa. Mais rúbeos chegam teleportados pelas torres, os caçadores trazem animais e montam fogueiras. Ka'tya e sua aprendiz Be'lya, acompanhadas de outras pessoas começam a tocar instrumentos e a dançar. Então a Feiticeira Rúbea, Ka'tya, começa a cantar uma canção, que depois ela batizaria de A Balada de Gelo e Fogo.

Das frias montanhas, cobertas de neve,
O povo rúbeo, em tribos, prosperava e vivia!

Alces Furiosos, Raposas Brancas,
E Ursos Marrons, pelo Leão primeiro se uniram!

Chefes, Feiticeiras,
Caçadores e Artesãos,
Conselhos em torno do Chefe-Rei formaram...

E nossos guerreiros, batedores e curandeiros,
Mamutes, gigantes, zumbis, esqueletos,
E até um dragão venceram!

Mas então um bruxo e seus aliados,
Contra o Conselho da Grande Tribo, maldição terrível lançaram!

Nossos mais bravos chefes, feiticeiros e guerreiros,
Junto com seus amigos, em um portal negro engolidos foram!

Separados no inferno, bravamente lutaram;
Alguns se perderam, outros se acharam;
Mas nenhuma saída encontravam.

A fama de nossos guerreiros foi ouvida,
Em todos os confins do inferno.

Uma jovem que fora ainda criança,
Por outros bruxos lançada ao mesmo destino,
Cresceu entre condenados e demônios, sem sua alma perder!

Seu nome era Red Claws,
De coragem sem igual, procurou por nossos heróis!

Com sua ajuda, o inferno temeu,
Quando nossos heróis com ela seus campeões derrotou!

Sem saber, dos deuses ela fora escolhida,
Destino sublime, um jogo de morte ou vida!

Vencendo bruxos caídos e outros inimigos,
Que Vingadores Negros se tornaram!

A cada golpe, sua espada flamejava!
Fogo, terra, ar e água!
A cada vitória, Red mais forte ficava!

O último vingador, o dragão do gelo, agora caído,
Como Dragão negro de dor, o inferno trazia consigo!

Uma torre com a tribo, o dragão empurrou;
O povo do fim tentava escapar!

Apesar da ajuda, dos valentes heróis,
Fryda a clériga, da deusa Crezir;
Leonardus, o Rei, e suas mulheres Ka'tya a bela, Na'tasha a mortal, e Ygritte a sábia..
O Dragão matara o nosso Rei, a quem pretendia se vingar!
Mas a bravura de Red a fez avançar, e com sua espada a flamejar
O dragão caiu e se incendiou!

Em meio as chamas, Red sumiu,
Tocada por Tanis a deusa ela foi!
Renascida das chamas, ela trouxe a vida ao rei!

Mas espanto maior, ainda estava por vir.
Do jogo o prêmio maior ela trouxe para si!
Seu corpo cresceu, chifres, asas e escamas!
Agora um belo e dourado dragão, Red voava no céu!

Ao seu lado seus cavalos voadores falando,
A torre vai cair!
Ela voou e a segurou, nosso povo salvando!


E agora comemoramos nossa vitória!
Muitas outras tribos,
Do clã rúbeo e do lazúli, hão de se juntar um dia!
Mas esta é outra história...


Usuários visualizando este tópico
Guest
2 Páginas <12
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET