Bem-vindo Convidado Pesquisar | Atividades no Fórum | Entrar | Registrar

Capítulo 5j - De volta ao Reino de Heldrom Opções
#1 samuel.azevedo Enviado : 06/06/17 14:35
Um feixe de luz laranja cai do céu, trazendo com ele Gáldor Tinúviel, o Sombrio.



Égeon, o guardião do portal, o aguardava.



- Então, você foi bem sucedido em sua missão, como esperado. Você renasceu, não como um mero elfo dourado, mas como uma criação única de nosso Senhor, Heldrom! O karma infernal que emana em sua aura deixou seu corpo como o de um elfo sombrio, mas em suas veias agora corre o sangue dos anjos caídos de Heldrom. Elfo, demônio e anjo. Você é o Escolhido de Heldrom, Renascido no Inferno, General da Corrupção. Nosso Senhor tem uma nova missão para você. Você foi escolhido para voltar ao reino mortal e se tornar o rei de todos os elfos, fazendo com que eles abandonem os falsos deuses e os trazendo para a luz de nosso Senhor.

Ao ouvir o nome de Heldrom, Gáldor sentiu o fervor que outrora sentira pelos deuses. Como já cheguei a adorar aqueles miseráveis antes? Agora ele sentia repulsa pelos valores morais que tinha como preciosos no passado, e ouvia atentamente as palavras de Égeon.

- Nós lhe enviaremos ao plano material, aproveite o título que conseguiu como rei em Batel'mor, e teça uma trama de intrigas para conquistar o reinado total das cidades e reinos élficos. Sua aparência atual será útil para envolver os elfos sombrios nesta trama; Caridrândia também deverá ser conquistada. Para atingir estes objetivos, você receberá alguns dons e também terá ajudas eventuais...

Ele aguarda Gáldor digerir as informações, e continua suas explicações:

- Mas antes desta missão principal, você deverá atrapalhar os planos de algumas pessoas. Nosso Senhor não se deixa enganar, ele acredita que o bruxo Terseph irá usar a Pedra Negra, não só para abrir um portal para que os demônios se libertem no seu mundo, mas para controlá-los e elevar-se a Príncipe Infernal. Também há um grupo de mortais que foi trazido por Terseph, Uilmatem, Lori, Valgule, e outros demonistas; eles querem atrapalhar Terseph e tomar a Pedra Negra para que ela seja novamente guardada pelos templos dos deuses, e tem prevalecido na busca pela saída do Inferno. Como em sua vida passada você foi aliado de alguns deles, será fácil se aproximar e fingir amizade até que cheguem a Terseph. Então, tome a Pedra Negra para si e deixe eles fazerem o trabalho sujo com Terseph. As aparências com eles podem lhe ser úteis no plano maior, pois um deles também é descendente de Rainha Regente, outro está se tornando um rei das geleiras, outro possui influência entre os bárbaros, três deles são magos poderosos, e um último é o herdeiro de Abadom. Será o disfarce perfeito. Mas você também pode destruí-los se achar que o risco é maior ou se preferir dar conta de Terseph sozinho. Acredito que você deve ter algumas perguntas?
#2 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 06/06/17 15:22
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Sinto meu novo corpo, a confusão de outrora já se dissipou, agora entendo mais que nunca o papel dos elfos no mundo, compreendo que somente através da força será possível subjugar essas raças inferiores. Entretanto o Senhor do Escuro, me mostrou um caminho diferente, nem sempre as glórias vem através da força, terei que ser astuto nos meus próximos passos! Então pergunto a Egeon: "Tenho algumas perguntas. Eu terei poder para chegar a todos os reinos infernais e carregar outros comigo? E segundo, onde está a Pedra Negra? Devo acreditar que ela esteja na posse Terseph."
#3 samuel.azevedo Enviado : 07/06/17 16:18
- Como general de Heldrom, você terá os caminhos liberados para andar entre os reinos infernais. Basta mostrar sua verdadeira aparência e todos os guardiões, generais e demais demônios verão a marca de Heldrom em seu pescoço e abrirão caminho. Mas para passar entre os reinos, você deve atravessar suas fronteiras ou se dirigir a cada um dos portais. Ao chegar num portal, você poderá abri-lo somente com energia divina. Uma pena de enviado serve, ou um item mágico divino. Por isso todos os generais portam um. Uma maldição lançada pelos deuses fez isso nos portais, que apesar desta brecha para a energia divina não permitem que os príncipes, seus guardiões, demônios ou mesmo almas de condenados atravessem para outro plano, mas eles podem usar os portais para viajar rapidamente de um reino infernal para outro. Um grupo pequeno de seres pode atravessar segurando diretamente quem segura o item divino, se ele for poderoso o suficiente. Você é em parte do plano mortal, e por isso, conseguirá passar pelos portais comuns desde que porte algo divino. Quando você estiver atravessando o portal, basta concentrar-se no destino e ele lhe obedecerá.

Ele faz uma pausa e continua as explicações.

- Mas a única forma de abrir um portal para um príncipe, guardião ou demônio passar, é convocando direto de outro plano. Por isso, os demonistas abrem portais para convocar demônios ao seu auxílio. Os demônios atravessam porque esta é a principal oportunidade que demônios tem de chegar ao mundo dos mortais, mas obedecer ao evocador já é algo mais complexo. Só há uma forma de abrir portais grandes o suficiente para grandes quantidades de demônios ou até os Príncipes Infernais atravessarem: usando o artefato conhecido como a Pedra Negra. Ela foi tomado dos demonistas pela resistência, e usada como arma contra eles há cerca de um século no tempo do mundo mortal. Depois que os demonistas e demônios foram derrotados, a Pedra Negra foi quebrada em treze fragmentos, e espalhada em treze templos - um templo em cada reino distinto. Terseph e seus comparsas reuniram todos os pedaços e ele está atualmente com todos eles, mas ele precisa fundi-los novamente para conseguir usar a Pedra no ritual de abertura do portal ou algum outro ritual que ele possa ter em mente...
#4 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 08/06/17 08:42
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Ao ouvir sobre enviados ou itens divinos comento sarcasticamente: "Acredito que deve ser fácil encontrar enviados ou itens divinos nos reinos infernais! Pode me indicar algum?" Não espero que ele me responda e emendo: "Ainda não me disse onde encontrar Tersep e a pedra negra? O que posso esperar quando encontrá-lo?". Espero que ele me responda e então comento: "O Vale de Rocha e Lama é comandado por quem? Preciso de uma distração, preciso de demônios para cumprir minha missão.
#5 samuel.azevedo Enviado : 08/06/17 11:56
- Não é fácil encontrar itens divinos no inferno. Porque você acha que os deuses fizeram deles a chave dos portais, quando usaram o sangue dos Titãs para selar tal maldição?! Por isso, os generais sempre recebem uma missão de conseguir um destes itens na primeira oportunidade que surgir. Alguns demônios, ao conseguir capturar tais itens, são promovidos a generais pelo feito. Eu lhe darei o que fiz da outra vez. - ele arranca uma pena laranja de suas asas e a entrega a Gáldor - Estas asas são um item divino, feito com asas de enviados. Uma pena é o suficiente, não a perca desta vez ou você terá que se virar sozinho...

Ele espera o elfo sombrio guardar a pena, e continua respondendo as dúvidas:

- Terseph está nas Geleiras, na torre do sudoeste. Aparentemente ele planeja um ataque aos Lazúlis. Entendo que você está a algumas semanas no inferno, mas o que você não sabe é que dias em Tagmar são apenas segundos neste plano. O tempo também passa diferente entre diferentes viajantes que atravessam os portais, tem algo a ver com os portais romperem as barreiras dos planos, do espaço e do tempo.

Então responde a última dúvida:

- O único reino no inferno com um vale com estas características é o reino de Udoviom, O Senhor da Pestilência. Se quiser, atravesse o portal daqui, segurando a pena e desejando ir para lá. O reino tem muitos animais, sugiro você capturar um Corcel Infernal para você, eles são uma montaria muito útil. Uma vez capturado, você poderá despachá-lo e convocá-lo para a sua presença a vontade, desde que coloque um medalhão de vínculo nele. Você pode negociar com os demônios de lá para conseguir um destes medalhões. Agora espere um pouco, o nosso Senhor está vindo!

Um barulho alto como o de trovões, ritmado como o de cavalos galopando, parecia tornar-se cada vez mais perto. Então surge sobre a pilha de ossos do salão um cavaleiro meio-elfo de pele morena, com olhos brancos e negros, cabelos cinzentos, armadura dourada com uma capa anexa laranja, portando um escudo redondo e uma lança. Mas sua armadura, possui agora inúmeras rachaduras e marcas de sangue, sua capa se tornou maltrapilha, seu rosto cansado trás uma cicatriz de um corte. Ele vinha acompanhado por um séquito de demônios. Égeon fala:



- Todos ajoelhem-se perante Nosso Senhor, Heldrom! O único e verdadeiro deus!

A força de sua presença era palpável, e compelia Gáldor a se ajoelhar. Heldrom desmonta de seu cavalo, e se dirige ao novo general:

- Minha criança! Égeon já lhe explicou tudo o que deveria. A partir de hoje, eu, Heldrom, reconheço Gáldor Tinúviel como meu general. Em homenagem a este dia e a sua vitória contra seu eu-passado, lhe concedo algumas dádivas.


Ele toca com sua lança no ombro de Gáldor, que sente poder fluindo em seu corpo.

- A Escuridão é sua nova morada, e por isso você pode ver nas mais profundas trevas. Estes são os primeiros poderes que você despertou: Escuridão, para cegar seus adversários. Mutação, para enganar os tolos. Amizade, para forçar os mais fracos a lhe servirem. Energia Infernal, para queimar seus inimigos. E Transporte Dimensional, para lhe levar entre as sombras. Erga-se, meu general! Conquiste os elfos, e destrua os seguidores do maldito Crisagom, que ousou fazer esta cicatriz em meu rosto.
#6 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 08/06/17 14:41
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Recebo a pena e guardo junto comigo, escuto atenciosamente as palavras de Egeon e então respondo: "Acredito que não disponho de tempo para caçar uma montaria, preciso encontrar o rastreador e desfazer um mal entendido, ou então ele poderá impedir meus planos de me associar ao meu antigo grupo". Quando Heldrom é anunciado dobro os joelhos e baixo a cabeça em sinal temor, entretanto nos lugares mais escondidos de minha alma sombria, desdenha da sua forma bastarda, somente levanto o olhar quando este fala comigo, sinto os dons preenchendo minha mente e agora o karma infernal escoando pelos meus dedos e por fim digo: "Meu espirito maculado se delicia em receber tais poderes de mãos tão onipresentes, não decepcionarei sua causa meu lorde infernal..."
#7 samuel.azevedo Enviado : 09/06/17 10:59
Égeon faz uma saudação ao Deus Heldrom, e o séquito a repete:

- Glórias ao nosso Senhor, o Deus Heldrom. O primogênito de todos os deuses, o herdeiro legítimo de toda a criação, filho puro dos Titãs!

Heldrom monta em seu cavalo, e parte, deixando um rastro de sons trovejantes dos cascos do animal.

Então o Guardião se dirige a Gáldor, e lhe diz:

- Você não conhece muito sobre nosso Senhor, preciso lhe deixar a par de algumas coisas. Como talvez você já tenha percebido, Heldrom é o verdadeiro e único deus, herdeiro legítimo dos titãs. Os que se dizem deuses são usurpadores e falsos deuses. A Titã Gênese profetizou que Heldrom reinará a criação, e os titãs fizeram dele seu único e legítimo herdeiro. Traído pelos seus irmãos mais fracos, que só conseguiram derrotá-lo unindo suas forças, Heldrom foi banido para o Abismo, mas fez dele sua habitação e Ascendeu como o Senhor da Corrupção e Príncipe das Trevas. Por isso, em sua homenagem, devemos corromper: os justos, a criação, e a adoração aos falsos deuses (especialmente a Crizagom a quem ousou o ferir). Nosso Senhor é generoso para aqueles que o amam. Por isso deu o governo do mundo como herança de seus servos mais devotos. Os mais fortes devem tomar posse dessa herança. Todos os seus adoradores devem cuidadosamente propagar a fé a Heldrom apenas para os escolhidos, e ajudar seus irmãos de fé a prosperar sobre os hereges, nem que seja preciso ser desonesto e burlar as leias. Para cumprirmos estes mandamentos sagrados, os fins justificam todos os meios. E sempre, homenageie Heldrom em suas conquistas, em seu coração ou abertamente se for conveniente.

Ele abre caminho e aponta para o portal:

- Se não tiver mais perguntas, vá, e conquiste sua herança!


#8 Gáldor Tinúviel, o Sombrio Enviado : 09/06/17 13:09
Jogador: saulocr
EF: 84
EH: 132
Karma: 36
Repito a saudação a Heldrom e depois que ele se vai, volto minha atenção para Egeon: "Preciso de um manto com capuz de cor discreta, de preferencia bem folgado". Se ele conseguir isto seguro a pena de enviado e desejo atravessar o portal, me imagino no Vale de Rocha e Lema, de preferência no ultimo lugar onde estive com o rastreador.
#9 samuel.azevedo Enviado : 09/06/17 18:46
Égeon caminha alguns passos, enfia uma lança no chão e "arranca" um corpo no chão, ele retira seu manto e entrega a Gáldor. O tecido marrom estava velho e corroído nas pontas, mas ainda inteiro.

O elfo sombrio recebe o objeto, caminha até o portal que se abre reagindo com a pena e o engole nas sombras.
Usuários visualizando este tópico
Guest
Ir para o Fórum  
Você não pode adicionar novos tópicos neste fórum.
Você não pode responder a tópicos deste fórum.
Você não pode excluir suas participações deste fórum.
Você não pode editar suas participações neste fórum.
Você não pode criar enquetes neste fórum.
Você não pode votar em enquetes neste fórum.

YAFPro Theme Created by Jaben Cargman (Tiny Gecko)
Powered by YAF | YAF © 2003-2009, Yet Another Forum.NET